Decisão: bancários não irão trabalhar aos fins de semana e feriados

Após longa negociação, foi decidido nesta terça-feira (10), após acordo entre o Comando Nacional dos Bancários e a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), que bancários não irão trabalhar aos fins de semana e feriados. A decisão, válida até 31 de dezembro de 2020, suspende os efeitos da Medida Provisória 905/2019.

Assim, fica garantida a manutenção da jornada de seis horas de segunda a sexta-feira, e os pisos salariais estabelecidos na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) e a negociação da participação nos lucros e resultados (PLR) com os sindicatos.

No dia 11 de novembro, o presidente Jair Bolsonaro editou a MP 905, aumentando a jornada de trabalho da categoria de 30 para 44 horas semanais, permitindo o funcionamento dos bancos aos fins de semana e feriados.

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.