Fique conectado conosco
ATIVA
Ethos Car
Imóvel Fácil

Especiais

Considerada tabu, pobreza menstrual destrói autoestima das pessoas

“Falar sobre isso é romper paradigmas”, destaca a educadora Edcleia Pereira Dias, que implantou o banco de absorventes na Escola Cosme de Farias.

Camila São José

Publicado

em

Considerada tabu, pobreza menstrual destrói autoestima das pessoas
Edcleia Pereira Dias. Foto: Hyago Cerqueira/Destaque1

Já ouviu falar em pobreza menstrual? Imaginou estar no período menstrual e não ter condições de comprar um absorvente ou outro material de higiene pessoal, e ter que recorrer a panos, roupas velhas, toalhas, lenços, folhas de jornal ou até miolo de pão? E acabar faltando aula, trabalho, compromissos por conta disso? Essa é uma realidade que assola muitas pessoas que menstruam no Brasil, e é um grave problema de saúde pública.

Além da questão financeira, a chamada pobreza menstrual pode afetar diretamente a saúde física das pessoas que passam por ela. Afinal, em decorrência da falta de dinheiro, as alternativas para se cuidar no período menstrual muitas vezes não são seguras.

Publicidade
destaque-1-lateral
Ativa
Contan
Top Rastreamento
La Marine
Ethos Car
Imóvel Fácil

Levantamento feito pela Always em parceria com a Toluna, com 1.124 mulheres com idade de 16 a 29 anos, entre 20 de fevereiro e 6 de março de 2020, revela que uma em cada quatro jovens brasileiras não tem dinheiro para comprar produtos higiênicos para o período menstrual em algum momento de suas vidas. Quando o recorte é nas classes D e E, esse índice passa de 29% para 33%.

A Organização das Nações Unidas (ONU) estima que, em todo o mundo, uma em cada 10 meninas falta a escola durante a menstruação. No âmbito nacional, a pesquisa confirma um cenário ainda pior: uma em cada quatro mulheres já faltou a aula por não poder comprar absorventes. Entre elas, 48% tentaram esconder que o motivo da ausência foi a falta de absorventes, e 45% acreditam que não ir à aula por falta de absorventes impactou negativamente o seu rendimento escolar.

Observando essa realidade de perto, a diretora da Escola Municipal Cosme de Farias, no bairro do Phoc I, em Camaçari, Edicleia Pereira Dias, criou o banco de absorventes para atender as 270 alunas matriculadas na unidade. O colégio atende estudantes do 6º ao 9º ano, com idade entre 10 e 17 anos. Os absorventes são adquiridos por doações.

Desde 2017, quando deu início à ação, Edicleia conta que o material é distribuído para utilização na escola e em casa. Durante a pandemia, os absorventes foram levados às alunas em suas residências no momento de entrega das atividades escolares. As doações recebidas deram conta da demanda mensal.

“Atualmente, a gente consegue, por conta da visibilidade que foi dada à ação, fazer entrega do absorvente todo o mês. Antes eram em momentos pontuais, a gente tinha a contribuição da equipe escolar, a equipe que fazia. Mas a equipe escolar existe uma limitação de atuação, de onde esse braço alcança, e, de lá para cá, elas conseguiram receber. E o grande retorno que eu tenho é o alívio delas quando recebem o absorvente: ‘nossa, esse mês eu estou tranquila, estou garantida’”.

Falar desse assunto vai além do uso do material em si e toca diretamente na autoestima dessas pessoas. Conversar e debater sobre menstruação ainda é um tabu. O levantamento divulgado pela Always dá conta de que 35% das meninas que não têm acesso a absorventes deixaram, por exemplo, de praticar esportes e sentiram muita vergonha pela falta de produtos menstruais na escola. E mais, uma entre cada quatro jovens não se sente confortável em falar sobre menstruação, 57% afirmam que a primeira menstruação as deixou menos confiantes.

“Essa temática é um tabu, falar sobre isso é romper paradigmas. Eu tive poucas gestoras escolares que discutiram essa questão comigo, de saber como identificar quem são essas alunas, de saber como identificar para quem direcionar as doações”, pontua a diretora do Cosme de Farias ao defender a necessidade de uma discussão acerca da temática dentro da rede municipal de ensino, em um diálogo entre as escolas. “Era necessário ter. Eu acho que essa ideia de discutir dentro da nossa rede seria fundamental, porque a gente não tem dados de pesquisa para dizer qual percentual de pessoas são atingidas por essa problemática. Eu tenho dados da escola, recorte da escola, mas isso precisa ser abrangido para toda a rede municipal”.

A nível nacional, o Projeto de Lei n° 61/21 inclui entre as atribuições do Sistema Único de Saúde (SUS) a distribuição de absorventes higiênicos às mulheres em situação de vulnerabilidade social e em estado de extrema pobreza. De autoria da deputada Rejane Dias (PT-PI), a matéria está em análise na Câmara dos Deputados desde fevereiro deste ano. Outro PL, o de nº 4.968/19, da deputada Marília Arraes (PT-PE), também tramita na Casa e requer a criação de um programa de distribuição gratuita de absorventes higiênicos para todas as alunas das escolas públicas de nível fundamental e médio, por meio de cotas mensais.

Em Camaçari, a Câmara Municipal iniciou um debate sobre o assunto. Na sessão realizada no dia 4 de maio, o presidente da Casa, vereador Júnior Borges (DEM), apresentou o Projeto de Lei nº 026/2021, que prevê a implantação do Programa de Fornecimento de Absorventes Higiênicos nas escolas públicas do município, abrangendo ensino fundamental e médio (saiba mais).

“Agora é cobrar para que isso venha a se concretizar de fato e que seja efetivada essa política pública, que ela chegue para todas as meninas da rede pública, porque todas as escolas têm esse problema. Esse problema foi levantado dentro do Cosme de Farias, mas ali é um recorte, um recorte do que nós vivemos na cidade”, opina Edicleia.

Enquanto esse direito não é assegurado pelo poder público, a escola tem recebido doações de diversos lugares do Brasil. “Está sendo para mim um movimento inédito, porque para quem vivia com a cuia na mão, pedindo aos funcionários e aos professores, de repente começar a chegar assim está muito legal”. Quem quiser doar pode ir diretamente na unidade escolar ou entrar em contato pelo telefone (71) 98850-8470.

Campanha #MeninaAjudaMenina

Outra maneira de ajudar a Escola Municipal Cosme de Farias é pela campanha #MeninaAjudaMenina, promovida pela Always, que vai até 30 de maio. Ao comprar um pacote de absorvente da marca, as pessoas estarão doando para quem não tem acesso ao produto. Cada pacote equivale a um absorvente doado.

A previsão é de que mais de 1 milhão de absorventes sejam doados também para as instituições Cruz Vermelha, com distribuição no Sudeste e Nordeste, Fluxo sem Tabu, projeto sem fins lucrativos que luta pela democratização do conhecimento sobre menstruação e pelo acesso à higiene íntima, e para Mulheres Pela Justiça, grupo de profissionais do judiciário que fazem atendimento e acolhimento às mulheres em situação de violência.


Acompanhe o Destaque1 no Google Notícias e fique sempre bem informado.
Contribuir com jornalismo profissional e autêntico é um exercício de cidadania. Colabore com o jornalismo que apura e busca a verdade. Apoie o Destaque1 e ajude a manter a integridade da linha editorial do portal. Contribua com o valor que desejar. Chave Pix CNPJ: 13.791.382/0001-60. Good Comunicação Ltda, destaque1.com, compromisso com a verdade.
Publicidade
destaque-1-lateral
Ativa
Contan
Top Rastreamento
La Marine
Ethos Car
Imóvel Fácil
PEC 3000 é palco da primeira edição de 2023 do projeto Cidade do Lazer
Lauro de Freitas 4 de fevereiro às 15:13

PEC 3000 é palco da primeira edição de 2023 do projeto Cidade do Lazer

Em Abrantes, Elinaldo manda recado: “Queira ou não, eu sou prefeito até dezembro de 2024”
Política 3 de fevereiro às 22:44

Em Abrantes, Elinaldo manda recado: “Queira ou não, eu sou prefeito até dezembro de 2024”

Elinaldo promete "grande" Lavagem de Arembepe após dois anos
Últimas 3 de fevereiro às 22:21

Elinaldo promete “grande” Lavagem de Arembepe após dois anos

Com investimento de mais de R$ 3 milhões, “Tudão” é inaugurado em Vila de Abrantes
Camaçari 3 de fevereiro às 22:16

Com investimento de mais de R$ 3 milhões, “Tudão” é inaugurado em Vila de Abrantes

Teatro Castro Alves abre inscrições para cursos gratuitos de iniciação à música sinfônica
Cultura e Entretenimento 3 de fevereiro às 16:45

Teatro Castro Alves abre inscrições para cursos gratuitos de iniciação à música sinfônica

Líder do PSD na Alba, Ivana Bastos critica ausência de mulheres na Mesa Diretora
Política 3 de fevereiro às 16:36

Líder do PSD na Alba, Ivana Bastos critica ausência de mulheres na Mesa Diretora

Pré-cadastro para instituições que desejam integrar Programa Alimenta Brasil começam segunda-feira
Últimas 3 de fevereiro às 16:21

Pré-cadastro para instituições que desejam integrar Programa Alimenta Brasil começam segunda-feira

“Tenho certeza que vou fazer parte de alguma comissão”, projeta Júnior Muniz
Política 3 de fevereiro às 16:17

“Tenho certeza que vou fazer parte de alguma comissão”, projeta Júnior Muniz

“Aline já é colocada como candidata ao conselho pelo lado de lá”, dispara Alan Sanches
Política 3 de fevereiro às 16:12

“Aline já é colocada como candidata ao conselho pelo lado de lá”, dispara Alan Sanches

CLN registra aumento de 70% no número de queimadas às margens da BA-099
Bahia 3 de fevereiro às 16:03

CLN registra aumento de 70% no número de queimadas às margens da BA-099

Ministério da Saúde recebe 1,8 milhão de doses da CoronaVac
Saúde 3 de fevereiro às 15:51

Ministério da Saúde recebe 1,8 milhão de doses da CoronaVac

Matheus de Geraldo Júnior será vice-líder do Governo na Alba
Bahia 3 de fevereiro às 15:28

Matheus de Geraldo Júnior será vice-líder do Governo na Alba

Camaçari de Dentro, Jardim Brasília e Avenida 28 de Setembro recebem limpeza de canais
Últimas 3 de fevereiro às 15:27

Camaçari de Dentro, Jardim Brasília e Avenida 28 de Setembro recebem limpeza de canais

“Todos os nomes têm capacidade e legitimidade”, defende Rosemberg sobre especulações para o TCM
Política 3 de fevereiro às 15:24

“Todos os nomes têm capacidade e legitimidade”, defende Rosemberg sobre especulações para o TCM

Cauly é o novo reforço do Bahia para temporada 2023
Bahia 3 de fevereiro às 15:11

Cauly é o novo reforço do Bahia para temporada 2023

Em turnê de reencontro, NX Zero se apresenta em Salvador no mês de julho
Cultura e Entretenimento 3 de fevereiro às 15:09

Em turnê de reencontro, NX Zero se apresenta em Salvador no mês de julho

Na abertura dos trabalhos, Adolfo Menezes fala em derrota do terrorismo e confiança na sua gestão
Política 3 de fevereiro às 15:04

Na abertura dos trabalhos, Adolfo Menezes fala em derrota do terrorismo e confiança na sua gestão

“Sendo eu o candidato, sabe que assumirei a missão”, diz Geraldo Jr. sobre disputa à Prefeitura de Salvador
Política 3 de fevereiro às 13:13

“Sendo eu o candidato, sabe que assumirei a missão”, diz Geraldo Jr. sobre disputa à Prefeitura de Salvador

PL do programa “Bahia Sem Fome” deve ser o primeiro a ser enviado à Alba, sinaliza Jerônimo
Política 3 de fevereiro às 12:35

PL do programa “Bahia Sem Fome” deve ser o primeiro a ser enviado à Alba, sinaliza Jerônimo

Prefeitura de Salvador entrega mais 39 novos ônibus climatizados
Últimas 3 de fevereiro às 11:52

Prefeitura de Salvador entrega mais 39 novos ônibus climatizados

Imóvel Fácil
Ethos Car
error: Alerta: para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou botões disponíveis na página. A medida visa preservar o investimento que o Destaque1 faz no jornalismo.