Fique conectado conosco
Boulevard
ATIVA

Especiais

Maternidade e produção de conteúdo: doulas camaçarienses utilizam a internet para criar rede de apoio

Rafaela Melo e Maria Elaine utilizam as redes sociais para compartilhar experiências e falar de maternidade real.

Mirelle Lima

Publicado

em

Maternidade e produção de conteúdo: doulas camaçarienses utilizam a internet para criar rede de apoio
Foto: Reprodução

Nos últimos anos, a internet tem se tornado uma ferramenta de rede de apoio para as mães que acompanham, em diversas plataformas, conteúdos sobre gravidez e maternidade. De acordo com dados da MindMiners, 55% das mães brasileiras seguem produtoras de conteúdo sobre o tema.

O crescimento no interesse por esse nicho demonstra que as mães da geração atual pretendem fazer novas escolhas e tratar determinadas questões de forma diferente das gerações anteriores.

Publicidade
destaque-1-lateral
Ativa
Contan
Top Rastreamento
La Marine

Em Camaçari, as doulas Rafaela Melo [conheça aqui] e Maria Elaine [conheça aqui] utilizam as redes sociais para compartilhar experiências e debater temas importantes relacionados à maternidade. Em entrevista ao Destaque1, elas contam sobre a relevância de criar um espaço online para falar livremente sobre o tema.

Aos 30 anos, Rafaela Melo é mãe de quatro filhas e se tornou doula após presenciar um parto domiciliar planejado. “Experienciar um nascimento respeitoso foi um divisor de águas. Ali eu vi que precisava fazer a minha parte para que esse movimento da humanização, do nascer com respeito, chegasse a mais e mais mulheres e suas famílias”, relata.

Para Maria Elaine, 37 anos, mãe de dois filhos, o desejo de se tornar doula surgiu depois da sua primeira gestação, quando contou com o auxílio de uma doula. “Eu percebi como foi importante para o meu feminino contar com a ajuda de uma mulher que tinha conhecimento técnico, mas que tinha o suporte emocional necessário para me oferecer nessa época da gestação. Como eu era uma mulher sozinha, meus pais moravam longe, eu era recém-chegada na Bahia, eu não tinha rede de apoio, e foi a doula que me deu esse suporte”, explica.

Maternidade e produção de conteúdo: doulas camaçarienses utilizam a internet para criar rede de apoio

Rafaela Melo e suas quatro filhas. Foto: Reprodução

Rafaela, que também é educadora parental, afirma que através da internet pretende despertar a consciência de que ser mãe não é fácil, mas que existem maneiras de tornar o processo mais leve. “Há ferramentas que podem facilitar esse nosso caminho. Montar uma aldeia de apoio, trazendo informações de doula pra gestantes e famílias, e de mãe pra mãe também”, afirma.

Maria Elaine também atua como consultora de aleitamento materno e percebeu na internet a oportunidade de ampliar o apoio para as mães. “Eu senti a necessidade de ampliar a rede de cuidado a essas mulheres. Eu já fazia rodas de conversa presenciais, e quis criar um espaço com informações de qualidade para deixar as mulheres seguras. Ampliar essa rede de conhecimento e empoderamento através da gestação, do parto e do pós-parto. Na maternidade não se fala só sobre uma das fases, a gente fala como um todo, e eu pretendo inclusive criar um grupo para mães que são mães de crianças e adolescentes”,

“As redes sociais hoje têm sido uma forma mais rápida e mais ampla para fazer circular informações. Vi como uma oportunidade bacana de mostrar que a maternidade e suas questões não precisam ser solitárias. Tem uma mulher, mãe aqui do outro lado, vivenciando muito do que a outra está vivendo, então por que não partilhamos e unirmos nossas vozes?”, ressalta Rafaela. 

Apesar dos benefícios de consumir conteúdos sobre maternidade nas redes sociais, há uma linha tênue entre a inspiração e a comparação. O fortalecimento da ideia de maternidade perfeita, incentivada por algumas produtoras de conteúdo, pode gerar o descontentamento para as mães que não se identificam com aquela realidade.

Maternidade e produção de conteúdo: doulas camaçarienses utilizam a internet para criar rede de apoio

Maria Elaine com seus dois filhos: Foto: Reprodução

De acordo com estudo feito pela plataforma especializada em maternidade Trocando Fraldas, 70% das brasileiras sentem que sua realidade de maternidade é diferente das influenciadoras digitais.

“A gente precisa falar sobre a maternidade não romantizada, essa maternidade que é minimizada nas redes de comunicação, para que essas mulheres não se sintam frustradas quando não alcançam um ideal de maternidade que é vendido”, frisa Maria Elaine.

Por isso, Rafaela destaca a necessidade de abordar a maternidade de forma real na internet. “Não fazer mais calar nossas dores. Temos um amor incondicional por nossos filhos, mas isso não significa que estaremos felizes o tempo inteiro, e tá tudo bem. A maternidade não é pra ser perfeita, é para ser possível”.

Maria Elaine aponta que as mães precisam manter viva sua individualidade e entender que são passíveis de erro. “A importância é que essas mulheres se reconheçam como humanas, como passíveis de erro. Estamos em aprendizado contínuo, e não devemos abrir mão de quem nós somos porque somos guardiãs de uma vida. Claro que a gente tem que abrir espaço para que a maternidade se estabeleça, mas não é saudável esquecer quem nós somos, seres humanos com nossos erros, inseguranças e tudo mais. Temos que ter esse olhar amplo da humanidade das mulheres que são mães”.

“Precisamos desfazer essa ideia de que ser mãe é ser super-heroína e ter superpoder. Choramos para dar conta de tudo e todos. Somos humanas, cansamos, erramos, mesmo vivendo as alegrias do maternar. Ser mãe é ser resistência”, finaliza Rafaela.

Acompanhe o Destaque1 no Google Notícias e fique sempre bem informado.
Contribuir com jornalismo profissional e autêntico é um exercício de cidadania. Colabore com o jornalismo que apura e busca a verdade. Apoie o Destaque1 e ajude a manter a integridade da linha editorial do portal. Contribua com o valor que desejar. Chave Pix CNPJ: 13.791.382/0001-60. Good Comunicação Ltda, destaque1.com, compromisso com a verdade.
Publicidade
destaque-1-lateral
Ativa
Contan
Top Rastreamento
La Marine
Transtornos de ansiedade e depressão crescem entre estudantes universitários no Brasil
Brasil 8 de dezembro às 10:07

Transtornos de ansiedade e depressão crescem entre estudantes universitários no Brasil

Exposição do artista plástico Nilson Carvalho está em cartaz no Centro Cultural Vila de Abrantes
Cultura e Entretenimento 8 de dezembro às 9:39

Exposição do artista plástico Nilson Carvalho está em cartaz no Centro Cultural Vila de Abrantes

Em última votação, Câmara de Dias d’Ávila mantém parecer e aprova contas da ex-prefeita Jussara
Política 8 de dezembro às 9:36

Em última votação, Câmara de Dias d’Ávila mantém parecer e aprova contas da ex-prefeita Jussara

Mercadão da Bahia exibe jogo entre Brasil e Croácia nesta sexta-feira
Copa do Mundo 8 de dezembro às 9:11

Mercadão da Bahia exibe jogo entre Brasil e Croácia nesta sexta-feira

Vacinação contra Covid-19 é suspensa nesta quinta-feira em Salvador
Saúde 8 de dezembro às 9:03

Vacinação contra Covid-19 é suspensa nesta quinta-feira em Salvador

Mega-Sena acumula e próximo sorteio deve pagar prêmio de R$ 125 milhões
Brasil 8 de dezembro às 8:32

Mega-Sena acumula e próximo sorteio deve pagar prêmio de R$ 125 milhões

SineBahia oferece vagas de emprego em Lauro de Freitas, Simões Filho e Camaçari
Emprego 8 de dezembro às 6:35

SineBahia oferece vagas de emprego em Lauro de Freitas, Simões Filho e Camaçari

Natália Vieira está em recuperação e família agradece orações
Camaçari 7 de dezembro às 17:07

Natália Vieira está em recuperação e família agradece orações

Coral de estudantes anima Boulevard Shopping Camaçari nesta quinta-feira
Cultura e Entretenimento 7 de dezembro às 16:34

Coral de estudantes anima Boulevard Shopping Camaçari nesta quinta-feira

Parque Natural Prainha de Parafuso é inaugurado em Camaçari
Últimas 7 de dezembro às 16:09

Parque Natural Prainha de Parafuso é inaugurado em Camaçari

Brasil segue com preparação para enfrentar Croácia nas quartas de final
Copa do Mundo 7 de dezembro às 16:08

Brasil segue com preparação para enfrentar Croácia nas quartas de final

Lauro de Freitas: prazo para acompanhamento obrigatório de saúde para o Auxílio Brasil vai até dia 30
Últimas 7 de dezembro às 15:54

Lauro de Freitas: prazo para acompanhamento obrigatório de saúde para o Auxílio Brasil vai até dia 30

Em dois anos, 148 mil pessoas com 15 anos ou mais foram roubadas na Bahia, aponta IBGE
Segurança 7 de dezembro às 15:46

Em dois anos, 148 mil pessoas com 15 anos ou mais foram roubadas na Bahia, aponta IBGE

Homem acusado de assalto é preso com moto roubada no Parque Verde
Camaçari 7 de dezembro às 15:23

Homem acusado de assalto é preso com moto roubada no Parque Verde

Decoração de Natal no Campo Grande tem novo horário de visitação a partir de hoje
Salvador 7 de dezembro às 15:04

Decoração de Natal no Campo Grande tem novo horário de visitação a partir de hoje

Posse de Lula já tem presença confirmada de 12 chefes de Estado
Política 7 de dezembro às 14:53

Posse de Lula já tem presença confirmada de 12 chefes de Estado

Governo estadual repassará mais de R$ 2,6 milhões para assistência social nas cidades atingidas pela chuva
Bahia 7 de dezembro às 14:43

Governo estadual repassará mais de R$ 2,6 milhões para assistência social nas cidades atingidas pela chuva

Inscrições para projeto Carnaval Ouro Negro 2023 estão abertas a partir de hoje
Cultura e Entretenimento 7 de dezembro às 13:02

Inscrições para projeto Carnaval Ouro Negro 2023 estão abertas a partir de hoje

Edição de Natal da Feira Vegana ocorre neste fim de semana em Salvador
Cultura e Entretenimento 7 de dezembro às 12:58

Edição de Natal da Feira Vegana ocorre neste fim de semana em Salvador

Elinaldo inaugura praça em Barra do Jacuípe nesta quinta-feira
Camaçari 7 de dezembro às 12:21

Elinaldo inaugura praça em Barra do Jacuípe nesta quinta-feira

COZIDINHO
COZIDINHO
error: Alerta: para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou botões disponíveis na página. A medida visa preservar o investimento que o Destaque1 faz no jornalismo.