“Senai Cimatec Park vai dar sustentabilidade à Ford e ao Polo Industrial e atrair empresas”, destaca Elinaldo

Com proposta de dar suporte ao desenvolvimento e à inovação da indústria, foi inaugurado em Camaçari, nesta segunda-feira (11), o Centro Integrado de Manufatura e Tecnologia Park (Senai Cimatec). Localizado na Via Atlântica (BA-530), mais conhecida como Estrada da Cetrel, o complexo possui infraestrutura diferenciada para atender necessidades nas áreas de Automação, Conformação e União de Materiais, Química, Mineração, Fármacos, Biotecnologia e Construção Civil.

Senai Cimatec Park. Foto: Ascom/SDE

Instalado numa área total de quatro milhões de metros quadrados no Polo Industrial, a
primeira fase compreende uma área de 62 mil metros quadrados, com praticamente todos os dez galpões de inovação ocupados, que vão abrigar laboratórios de testes de produtos em escala natural, produção e protótipos, montagem de plantas-piloto industriais, infraestrutura para pesquisas e ensaios em atividades de alto risco e um prédio administrativo. Tudo voltado para as demandas industriais que requerem condições de controle e operação especiais, aliando pesquisa, desenvolvimento e testes de produtos e modelos inovadores.

Senai Cimatec Park. Foto: Tiago Pacheco

O moderno complexo de inovação industrial, que é uma expansão dos limites da atuação do Senai Cimatec, em Salvador, abre as portas com planos de ampliação e de atender até 2020 cerca de mil técnicos e engenheiros no complexo.

Segundo Leone Andrade, diretor de Tecnologia do Senai Cimatec, já foram investidos R$ 87 milhões, valor bancado com o empréstimo do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES), e suporte do Senai Nacional e do Senai da Bahia. “Esta primeira etapa representa 1,5% do que se pretende ser construído no terreno. É um projeto de 30 anos, com cenários diferentes para as próximas décadas, a depender dos rumos da economia a de própria indústria”, afirmou.

Rui Costa. Foto: Manu Dias/GOVBA

Para o governador Rui Costa (PT), esse é um grande passo para o desenvolvimento da Bahia. “Hoje a diferença se dá entre quem investe em pesquisa e tecnologia e quem não investe. Essa inauguração significa um passo adiante para que juntos possamos trabalhar para o desenvolvimento do conhecimento e para a criação de novas empresas a partir da tecnologia, gerando empregos, renda e crescimento econômico. É esse salto que o Brasil precisa dar, e hoje a Bahia deu um passo importante rumo ao desenvolvimento”, enfatizou.

Prefeito Elinaldo Araújo. Foto: Tiago Pacheco

O prefeito Elinaldo Araújo (DEM) destacou que com a implantação do Cimatec, a economia e empregabilidade de Camaçari serão fortalecidas. “A implantação do Senai Cimatec Park vai dar sustentabilidade à Ford e ao Polo Industrial e atrair empresas que atuam no ramo da tecnologia e informática. Acredito que o parque vai ser de grande contribuição para fortalecer Camaçari e será um marco para a Bahia e para o Brasil, inclusive para o reconhecimento internacional do País em desenvolvimento tecnológico. A existência de centros como esse é o que garante o desenvolvimento industrial e, principalmente, a boa formação dos nossos jovens”, destacou.

Com foco na sustentabilidade, o plano diretor do projeto foi elaborado com base em princípios ‘verdes’ de construção. Os galpões industriais aproveitam luz e ventilação natural e a área conta com o sistema de captação de chuvas, que são armazenadas em tanques para utilização no próprio centro tecnológico. O terreno também conta com um processo parcial de reflorestamento, com o objetivo de se criar um parque ecológico dentro do complexo.

Leia também 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.