Fiquem conectados conosco

Especiais

Gravidez na pandemia: os desafios da maternidade diante da luta contra o coronavírus

Mulheres relatam como é viver uma gestação na pandemia.

Camila São José

Publicado

em

Thais e Lorena conversaram com o Destaque1 sobre a experiência da gestação. Fotos: Emanuela Lima e Arquivo pessoal

Em meio a um cenário de insegurança e medo, algumas mulheres têm lidado com inúmeros desafios e sonhos ao mesmo tempo. Entre eles, o desejo de ser mãe. Mas como lidar com uma gestação, parto e cuidar de um bebê em um período de pandemia?

É fato que os cuidados, mais do que nunca, precisam ser redobrados, e quem já planejava ser mãe teve de lidar com a felicidade de receber a tão esperada notícia da gravidez, e logo em seguida encarar uma pandemia, ou ir adiando para engravidar em um cenário mais seguro.

A pedagoga Thais Zaros, 35 anos, é mãe de primeira viagem, e a maternidade foi planejada. Deixou de fazer uso de anticoncepcionais e, nove meses depois, teve a confirmação, no dia 22 de janeiro de 2020, quando já estava com quatro semanas de gestação. Dali a cerca de dois meses, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarava que o mundo vivia uma pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Thais, o marido Fábio Baltazar e o filho Edgar. Foto: Cris Silva

“Descobri a gravidez realizando teste farmácia e depois confirmei com o beta no dia seguinte. Quando começou a pandemia estava de 3 meses de gestação e foi muito difícil ter que parar e mudar os planos para as compras do enxoval. Junto vieram o medo e inseguranças, mas me adaptei ao novo normal, e realizei as compras online, porque sou daquelas pessoas que adoro ver e pegar as coisas. Mas deu tudo certo”, conta Thais.

O pequeno Edgar Zaros Baltazar hoje tem seis meses e já vive numa rotina completamente diferente, cheia de protocolos e ainda mais cuidados. “No dia a dia os cuidados continuaram e aumentaram. Evito sair com ele ao máximo, somente para consultas, vacinas, e quando há necessidade de sair, sempre com todos os cuidados antes, durante e depois do retorno pra casa. Brinco que virei a louca do álcool: espirro e passo álcool em tudo”, fala.

Ter de lidar com os desafios da maternidade e com seus próprios conflitos diante do confinamento não tiraram da pedagoga o sentimento de renascer. “O momento mais marcante foi quando ouvi o coração do Edgar batendo pela primeira vez. Após o nascimento, foi quando o vi e tive nos meus braços pela primeira vez, e ele parou de chorar, já que reconheceu e ouviu minha voz”, lembra. “Eu renasci”, diz.

Aguardando a chegada do segundo bebê, a assistente social Lorena Melo, 29 anos, está no quinto mês da gestação, vivendo a expectativa de descobrir o sexo da criança e a dupla maternidade com o filho Sávio, de 4 anos.

A segunda gravidez era desejada e ela e o marido, Rodrigo Peixoto, passaram a acompanhar assiduamente os números da pandemia, até se sentirem seguros a começar as tentativas, em outubro do ano passado. No entanto, veio a segunda onda da Covid-19, e o que já era preocupante se agravou.

Lorena Melo, o marido Rodrigo Peixoto e o filho Sávio. Foto: Arquivo pessoal

“Para nossa surpresa, engravidei muito rápido. Pouco depois de descobrir a gestação, infelizmente, os casos aumentaram com força nessa segunda onda. Por conta disso, ficamos assustados e com medo do que o futuro nos preparava, por saber dos riscos que a gestante está correndo ao entrar em contato com o vírus da Covid-19”.

Veio o home office e o isolamento mais rigoroso, com a convivência apenas com o esposo, o filho e os pais, e saídas apenas em datas agendadas para acompanhamento pré-natal e exames gestacionais. As celebrações e momentos esperados permaneceram adiados.

“Ao longo desses cinco meses, passei por alguns momentos difíceis que me marcaram, como não poder ir em lojas para comprar itens do enxoval – até o momento não compramos nada para o bebê –, comemorar a gestação com os nossos familiares e realizar chá revelação e de fraldas com quem também desejava essa gestação junto conosco”, comenta ao lembrar da ansiedade dos amigos e familiares para acompanhar a gravidez. “Não temos contato desde o ano passado, todos ansiosos para me ver grávida, mas imagino que isso não irá acontecer”.

O novo membro da família deve nascer em agosto e Lorena tem pensado bastante nisso, diante do receio de contrair o vírus, necessidade de atendimento especializado e restrições de atendimento nos hospitais. “Infelizmente as maternidades não estão permitindo mais de um acompanhante para me auxiliar, o que também irá dificultar nos cuidados com o bebê, caso a situação permaneça a mesma”.

A pandemia pode afetar esse momento feliz, mas as orientações dos órgãos de saúde e outras entidades não podem ser deixadas de lado. O isolamento e distanciamento sociais continuam sendo fundamentais, como destaca a Unicef, sem deixar de lado o acompanhamento médico durante o pré-natal e após o nascimento.

Mais do que nunca o apoio da família e a participação do companheiro ou companheira são essenciais para que a mulher se sinta segura neste momento.

Publicidade
Saúde9 minutos atrás

Novo programa do governo municipal atende população em situação de rua

Política31 minutos atrás

Em conjunto, Tagner e Dilson solicitam revitalização de praça na Lama Preta

Política52 minutos atrás

Val Estilos quer inclusão das baianas de acarajé da costa no programa de cestas básicas durante a pandemia

Política2 horas atrás

Deni de Isqueiro requer construção de passarela na região da Prefeitura Avançada da Costa

Política2 horas atrás

Herbinho e Jamessom indicam requalificação da Avenida Acajutiba

Brasil2 horas atrás

Caixa paga hoje auxílio emergencial para nascidos em abril

Política2 horas atrás

Flávio Matos pede inclusão de agentes de limpeza no grupo prioritário de vacinação

Camaçari3 horas atrás

Rede municipal inicia ano letivo de 2021; confira calendário de aulas

Bahia3 horas atrás

Governo da Bahia volta a autorizar eventos com até 50 pessoas

Saúde18 horas atrás

Sesau registra mais 11 mortes por Covid-19 em Camaçari

Geral18 horas atrás

Novo decreto autoriza reabertura de praias em Mata de São João

Camaçari20 horas atrás

Sedur remove 15 barracos irregulares no Morro da Manteiga

Camaçari21 horas atrás

Sepultamentos no Cemitério Jardim da Eternidade são suspensos devido à superlotação

Emprego22 horas atrás

SineBahia Dias d’Ávila está com vagas abertas para auxiliar de logística e estoquista

Lauro de Freitas22 horas atrás

Suspeito de assediar mulheres em Lauro de Freitas é preso nu em flagrante

Geral23 horas atrás

Dias d’Ávila adota novas medidas no plano de retomada das atividades econômicas

Segurança23 horas atrás

RMS: Após perseguição policial, mais de 260 kg de maconha são encontrados em caminhonete

Brasil1 dia atrás

Receita adia prazo para entrega da Declaração de Imposto de Renda

Saúde1 dia atrás

Sesau realiza atualização de cadastro do SUS nos Residenciais Algarobas

Educação1 dia atrás

Seduc inicia nova etapa de entrega do Vale Merenda em Camaçari

Brasil1 dia atrás

Prazo para contestar auxílio emergencial negado termina hoje

Saúde1 dia atrás

Camaçari se aproxima dos 19 mil casos confirmados de coronavírus

Bahia1 dia atrás

Toque de recolher é prorrogado em toda a Bahia; eventos e aulas presenciais continuam proibidos

Brasil1 dia atrás

Novas regras de trânsito começam a valer hoje; saiba o que mudou

Educação1 dia atrás

Seduc inicia nova etapa de entrega do Vale Merenda em Camaçari

Saúde1 dia atrás

Sesau realiza atualização de cadastro do SUS nos Residenciais Algarobas

Brasil1 dia atrás

Receita adia prazo para entrega da Declaração de Imposto de Renda

Artigo2 dias atrás

Equipes baianas avançam nas copas e criam expectativas positivas para os torcedores, por Fabio Sena

Segurança23 horas atrás

RMS: Após perseguição policial, mais de 260 kg de maconha são encontrados em caminhonete

Geral23 horas atrás

Dias d’Ávila adota novas medidas no plano de retomada das atividades econômicas

Camaçari20 horas atrás

Sedur remove 15 barracos irregulares no Morro da Manteiga

Saúde18 horas atrás

Sesau registra mais 11 mortes por Covid-19 em Camaçari

Camaçari21 horas atrás

Sepultamentos no Cemitério Jardim da Eternidade são suspensos devido à superlotação

Emprego22 horas atrás

SineBahia Dias d’Ávila está com vagas abertas para auxiliar de logística e estoquista

Lauro de Freitas22 horas atrás

Suspeito de assediar mulheres em Lauro de Freitas é preso nu em flagrante

Geral18 horas atrás

Novo decreto autoriza reabertura de praias em Mata de São João

Brasil2 horas atrás

Caixa paga hoje auxílio emergencial para nascidos em abril

Bahia3 horas atrás

Governo da Bahia volta a autorizar eventos com até 50 pessoas

Política2 horas atrás

Herbinho e Jamessom indicam requalificação da Avenida Acajutiba

Política2 horas atrás

Deni de Isqueiro requer construção de passarela na região da Prefeitura Avançada da Costa

Copyright © 2017-2021 Destaque1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução parcial ou total de conteúdo deste site sem autorização por escrito da Good Comunicação Ltda. _____________________________

error: Alerta: Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou botões disponíveis na página. A medida visa preservar o investimento que o Destaque1 faz no jornalismo.