Avianca cancela 180 voos a partir de hoje; sete deles sairiam ou chegariam em Salvador

Voos da Avianca marcados para este sábado (13) até a próxima quarta-feira (17) foram cancelados. Em nota, a empresa informa que a suspensão dos 180 voos se deu devido a uma possível redução da frota e para minimizar o impacto na operação e nos seus passageiros.

Entre os voos cancelados estão o 6075 que sairia do Aeroporto Internacional de Salvador no dia 14 de abril com destino a Congonhas (SP); 6044, saindo de Guarulhos (SP) no dia 15 de abril para a capital baiana; 6049, também do dia 15 de abril, de Salvador para Guarulhos; o 6044 e 6049 do dia 16 de abril de São Paulo para a Bahia e da Bahia para São Paulo, respectivamente, e os mesmos voos também foram cancelados no dia 17 de abril.

Com a medida, a Avianca deixará de vender passagens para diversas localidades.

Nesta sexta-feira (12), a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) cancelou a matrícula de 10 aeronaves da companhia aérea após decisão judicial que determinou a reintegração de posse desses aviões à empresa Constitution Aircraft Leasing.

“Além de dar cumprimento à decisão, a ANAC mantém a fiscalização da atuação da empresa diante dos passageiros e segue acompanhando a execução das ações para a readequação da malha aérea e a manutenção da segurança das operações, além de determinar a interrupção das vendas dos voos impactados. A Agência também está em contato com a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) e outros órgãos do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (SNDC)”, informa a Anac em nota.

A agência orienta os consumidores para que fiquem atentos aos comunicados da Avianca, buscando informações no site da companhia e nos canais de atendimento. A Anac ressalta que os passageiros devem ter seus direitos respeitados já que os cancelamentos foram feitos pela empresa.

Caso o passageiro se sinta prejudicado ou tenha seus direitos desrespeitados, deve procurar a empresa aérea para reivindicar seus direitos como consumidor. Se as tentativas de solução do problema pela empresa não apresentarem resultado, o usuário poderá registrar sua reclamação por meio da plataforma www.consumidor.gov.br. Pela ferramenta, o consumidor pode se comunicar diretamente com a Avianca, que tem a obrigação de receber, analisar e responder as reclamações em até 10 dias. Não tendo a sua reclamação resolvida pela empresa aérea na plataforma, o passageiro poderá recorrer aos órgãos do SNDC, que inclui os canais presenciais de atendimento do Procon e o Juizado Especial Civil.

Em recuperação judicial, a Avianca acumula dívidas de mais de R$ 1 bilhão. No último dia 5 de abril, a assembleia de credores aprovou o plano de recuperação judicial em uma reunião que durou mais de sete horas. O plano prevê a divisão da empresa por meio da criação de sete unidades produtivas isoladas (UPIs), que serão levadas a leilão. Seis UPIs conterão partes dos direitos de pousos e decolagens (“slots”) da Avianca nos aeroportos de Congonhas, Guarulhos e Santos Dumont e uma vai englobar o programa de fidelidade da empresa. Ainda falta a aprovação do plano pela Justiça.

Clique aqui e veja a lista completa de voos cancelados.

2 comentários em “Avianca cancela 180 voos a partir de hoje; sete deles sairiam ou chegariam em Salvador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.