Fiquem conectados conosco

Esporte

Handebol: brasileira Duda Amorim recebe prêmio de melhor da década

A catarinense é campeã mundial, escolhida a melhor atleta do torneio, tricampeã pan-americana pela Seleção Brasileira e pentacampeã da Champions League de clubes.

Avatar

Publicado

em

Foto: Abelardo Mendes Jr/ rededoesporte

Duda Amorim, 34 anos, foi escolhida como a melhor jogadora do mundo da década (2011/2020). A eleição foi promovida pelo site Handball Planet, um dos mais importantes na modalidade. Na mesma votação, através de escolha popular, Duda foi considerada a melhor defensora dos últimos dez anos. Entre outros títulos, a catarinense de Blumenau é campeã mundial, escolhida a melhor atleta do torneio, tricampeã pan-americana pela Seleção Brasileira e pentacampeã da Champions League de clubes.

Além de ser o principal nome da modalidade no país, ela se consolida cada vez mais como um dos maiores nomes do esporte em nível mundial. Já atua há mais de 15 anos na Europa, com passagem pela Macedônia, onde defendeu o clube Kometal Gjorge Petrov, e está há mais de 10 anos na Hungria, no Gyori Eto KC. Em 2014, ela já havia sido escolhida a melhor do mundo pela Federação Internacional da modalidade (IHF), e, em 2019, recebeu o prêmio de melhor da Europa pela Federação continental (EHF).

Além da brasileira Duda Amorim, completam a lista do site Handball Planet a goleira Katrin Lunde (NOR), a pivô Heidi Loke (NOR), a central Groot (HOL), a armadora direita Nora Mork (NOR), a ponta-esquerda Camilla Herrem (NOR), a armadora-esquerda Neagu (ROM) e a ponta-direita Jovanka Radicevic (MNE).

Publicidade

Copyright © 2017-2021 Destaque1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução parcial ou total de conteúdo deste site sem autorização por escrito da Good Comunicação Ltda. _____________________________

error: Alerta: Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou botões disponíveis na página. A medida visa preservar o investimento que o Destaque1 faz no jornalismo.