Show beneficente: artistas baianos se unem em prol da Basílica Santuário do Senhor do Bonfim

Dia 11 de dezembro a Basílica Santuário do Senhor do Bonfim promove seu primeiro show beneficente. O evento será no dia 11 de dezembro, no espaço Ágata Prime, na Ribeira, às 20h, e trará para o palco a banda Bago de Jazz como anfitriã, com a participação de artistas como Saulo, Márcia Short, Edu Menezes e Luci Laura. A atividade integra a programação da festa do Senhor do Bonfim 2019.

No show intitulado “Canto para o Senhor do Bonfim”, os artistas oferecerão seu canto como expressão de solidariedade, fé e devoção. Toda renda será revertida para a festa do Senhor do Bonfim e para a manutenção do projeto Bom Samaritano, obra de misericórdia mantida pela Basílica, que presta atendimento a pessoas carentes que se encontram em condição de vulnerabilidade social. Os portões serão abertos a partir das 19h.

De acordo com o Reitor da Basílica, padre Edson Menezes, “o referido show será um evento que na perspectiva da ‘Cultura do Encontro’ favorecerá a integração de fãs e admiradores de diversos artistas com os devotos do Senhor do Bonfim. Assim, todos experimentarão de um momento festivo, de alegria, de confraternização. Promoveremos uma integração cultural e religiosa para ajudar na realização de uma das festas de maior relevância do Estado da Bahia e para colaborar na continuidade do Projeto Bom Samaritano que dá assistência a pessoas carentes que vivem à margem da sociedade e em outras situações de vulnerabilidade”, explicou o padre Edson.

Durante o show, o público poderá comprar a camisa da 6ª edição da Lavagem de Corpo e Alma, no valor de R$20. O Juiz da Irmandade Devoção do Senhor Bom Jesus do Bonfim, Francisco Pitanga, afirma que os artistas foram escolhidos com muito carinho para prestar homenagens ao Senhor do Bonfim. “Esse show foi uma das boas ideias que nos foi apresentada para arrecadar fundos. Saulo é um grande cantor, um ícone da Bahia, admiradíssimo em todo o Brasil e tem uma ligação muito grande com a nossa cultura, assim como Márcia Short e os outros artistas que vão colaborar conosco. Então nós vemos a sua realização como um presente para o Senhor do Bonfim”, relata o juiz.

O primeiro lote de ingressos já está à venda e custa R$50 (pista) e R$80 (camarote). As entradas podem ser adquiridas na Safeticket, lojas South em todos os shoppings e na Igreja do Bonfim. Mas informações através do telefone do projeto Bom Samaritano (71) 3672-1655.

Bom Samaritano

O Projeto Bom Samaritano surgiu a partir de uma necessidade do Reitor da Basílica, juntamente com a Devoção do Senhor do Bonfim, de prestar atendimento aos ambulantes do entorno da Basílica e às pessoas carentes, que se encontram em condição de vulnerabilidade social, viabilizando assim encaminhamentos e orientações que promovam a inclusão social e o resgate da dignidade de cada um.

O projeto atende mais de 300 pessoas por mês, que recebem cestas básicas, além de assistência social; manutenção de contato com entidades governamentais e não governamentais, buscando cursos que propiciem a melhoria do serviço prestado pelos ambulantes. Além disso, o projeto realiza serviços de saúde como pediatria, cardiologista, clínico e fisioterapia; e cursos de corte e costura, bordado, informática, crochê, bordado com fitas e flores. Todo o recurso arrecadado pelo Bom Samaritano vem dos fiéis, através de doações de alimentos na Basílica Santuário e em dinheiro.

Serviço

O quê: Canto para o Senhor do Bonfim

Quando: 11 de dezembro, às 20h

Onde: Ágata Prime – Ribeira

Atrações: Banda Bago de Jazz; Saulo; Márcia Short; Edu Menezes; Luci Laura e banda.

Quanto: R$ 50 (pista) e R$ 80 (camarote). Vendas na Safeticket, lojas South em todos os Shoppings e na Igreja do Bonfim.

Informações: (71) 3672-1655

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.