Teatro Cidade do Saber recebe espetáculo que debate primeiro assassinato por LGBTfobia do Brasil

Baseado em fatos reais, será apresentado no dia 12 de outubro (sábado), às 19h, no Teatro Cidade do Saber, em Camaçari, o espetáculo Tibiras.  A peça investiga as brasilidades existentes no país e tem  como ponto de partida a trajetória de vida do tupinambá Tibira, que foi assassinado em praça pública em São Luís do Maranhão no ano de 1614.

O crime que marcou a história do Brasil é considerado como o primeiro assassinato por LGBTfobia registrado no período colonial do país. Em cena, as atrizes e atores do elenco partem de suas experiências individuais e ancestralidades para identificar em suas existências os cruzamentos e heranças deixadas pela história de Tibira.

Os ingressos custam R$ 10 (meia) e R$ 20 (inteira) e estarão disponíveis na bilheteria do TCS no dia do espetáculo. Vale salientar que pessoas trans e travestis têm acesso gratuito mediante contato antecipado com a produção através do telefone (71) 99125-9125.

Tibiras é a segunda obra da Trilogia dos Trópicos, projeto que visa identificar e difundir a presença de pessoas dissidentes na história do Brasil Colônia, e é uma realização do Coletivo Das Liliths, plataforma artística que atua na cidade do Salvador há seis anos e fortalece o debate acerca das dissidências de gênero e sexuais através das artes cênicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.