Sindicato dos Metalúrgicos inicia rodada de negociação com a Ford para evitar 700 demissões

Após o anúncio feito pela Ford na última sexta-feira (9) confirmando 700 demissões de trabalhadores da empresa, o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari, Júlio Bonfim, afirma que o sindicato realizará assembleias para tentar solucionar o caso.

O presidente diz que a partir de hoje (12) começam as reuniões com a empresa para tentar estabelecer um acordo, com o intuito de não haver esses cortes em massa.

“Vamos ter esperança, abrimos um calendário de reuniões durante toda a semana, porém não iremos estabelecer prazos para que não haja expectativas altas da população”, fala Bonfim.

De acordo com informações passadas pelo sindicalista, as demissões são consequências de uma readequação de montagens exigindo um volume menor de funcionários, o que também interfere na projeção de lucro e perdas da Ford na América do Sul, chegando impactar a arrecadação da companhia em até UU$ 600 milhões, mais de R$ 2 bilhões.

Do total de funcionários a serem demitidos, 450 são contratados diretamente pela empresa e outros 250 são terceirizad0s.

Confira o vídeo

Um comentário em “Sindicato dos Metalúrgicos inicia rodada de negociação com a Ford para evitar 700 demissões

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.