Fiquem conectados conosco

Entrevistas

Revisão do PDDU e celeridade nos processos são os principais desafios de Andréa Montenegro na Sedur

A secretária tem buscado proporcionar melhorias para a pasta através da aproximação com a população.

Mirelle Lima

Publicado

em

Foto: Patrick Abreu/Destaque1

No comando da Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente de Camaçari (Sedur) desde 1° de janeiro de 2021, Andréa Montenegro já tem buscado proporcionar melhorias para a pasta através da aproximação com a população.

Em entrevista ao Destaque1, a advogada e ex-secretária do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes) conta quais serão os principais objetivos da gestão e como pretende evidenciar as ações da pasta.

Destaque1 – Como foi o primeiro mês de adaptação no comando da Sedur?

Andréa Montenegro – Pra mim é um novo desafio, mas eu sempre fui muito voltada aos desafios. E quando eu recebi o convite do prefeito Elinaldo, eu internalizei que seria mais uma missão de Deus, e que estaria disposta a ficar à frente da gestão da Sedur. E para mim está tudo ocorrendo com muita tranquilidade, fui bem acolhida pelos servidores que aqui estavam, construí novos fluxos e novas maneiras de se pensar o papel da Sedur. Eu considero a Sedur o coração da gestão, e nesse momento que estamos passando ela tem uma importância tamanha porque é onde vem também as receitas para o município.

D1 – Quais serão os principais projetos da Secretaria sob o comando da senhora?

Assista:

D1 – O que pretende mudar na Sedur e o que pretende manter?

A.M – Em relação à própria Sedur, eu quero envolver mais a população com o meio ambiente. É um dever nosso cuidar do meio ambiente, então eu quero fazer esse link muito de perto. Eu criei a ouvidoria Sedur, que vai permitir que a população se aproxime, faça suas críticas, elogios, mas também quero dar celeridade ao processos de um alvará de construção, de uma licença ambiental, para que a gente possa estar gerando receita e mão de obra. Hoje nós estamos fazendo aqui o link com o Ciat, uma maneira da gente ajudar nesse cenário difícil que estamos passando.

D1 – A obra do Horto Florestal é algo muito esperado pela população. Como está o andamento?

Ouça:

 

D1 – O que a Sedes te proporcionou de aprendizados durante a gestão que a senhora pretende utilizar na Sedur?

A.M – Foram diversos aprendizados. Eu inicio primeiro pela valorização do servidor, de cuidar de quem cuida da população, é um exemplo que eu trago da Sedes, chamado de “Cuidando do Cuidador”, e já foi implantado na Sedur. Também tenho trazido o lado humano, o lado acolhedor. Eu sei que agora é uma nova versão, da disciplina, do ordenamento, da normatização da cidade, mas a gente pode fazer isso na base do diálogo e da promoção de campanhas educativas, então é um lado que eu trago da Sedes, e aqui não vai ser diferente. Nós somos servidores e estamos aqui para servir a população passando por esse lado acolhedor.

Andréa Montenegro, secretária da Sedur. Foto: Patrick Abreu/Destaque1

D1 – Que legado a senhora pretende deixar na pasta?

Ouça:

 

D1 – De que forma a Sedur está disponível para auxiliar a população? 

A.M – Nós temos a ouvidoria da Sedur através do telefone (71) 99966-6130, e também estamos disponíveis nas nossas redes sociais. Quem quiser conversar com a secretária pode fazer o agendamento também, estou aqui para ouvir a população.

D1 – Quais as considerações finais?

Ouça:

Copyright © 2017-2021 Destaque1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução parcial ou total de conteúdo deste site sem autorização por escrito da Good Comunicação Ltda. _____________________________

error: Alerta: Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou botões disponíveis na página. A medida visa preservar o investimento que o Destaque1 faz no jornalismo.