Fique conectado conosco
ÓTICAS DESIGN

Economia

Perda de qualidade de vida na Bahia é puxada por questões financeiras e educação, aponta IBGE

O estado teve o Índice de Desempenho Socioeconômico abaixo da média.

Avatar

Publicado

em

Perda de qualidade de vida na Bahia é puxada por questões financeiras e educação, aponta IBGE
Foto: Hyago Cerqueira/Destaque1

Levantamento do Índice de Perda de Qualidade de Vida (IPQV) divulgado hoje (26) pelo IBGE traz a Bahia como o 11º pior índice: 0,200. No Brasil, o indicador para toda a população ficou em 0,158, portanto, melhor que o baiano. Isso indica que a população do estado tem, de uma formal geral, uma maior perda de qualidade de vida do que a média do país.

Entre os estados do Nordeste, a Bahia tem o terceiro melhor IPQV, pior do que os verificados em Sergipe (0,187) e Ceará (0,189).

Publicidade
destaque-1-lateral
La Marine
Top Rastreamento
Contan
Ativa
ÓTICAS DESIGN

Quanto mais perto de zero, menor a perda de qualidade de vida, ou seja, melhor o IPQV. Quanto mais perto de um, pior. Isto é, quanto maior o índice, maior a perda de qualidade de vida.

O Índice de Perda de Qualidade de Vida foi construído a partir de alguns dos indicadores qualitativos e subjetivos calculados para todos os temas estudados pela POF 2017-2018, agrupados em seis dimensões: moradia; serviços de utilidade pública; saúde e alimentação; educação; acesso aos serviços financeiros e padrão de vida; e transporte e lazer.

O IBGE explica que cada uma dessas dimensões é formada por uma série de variáveis, que somam 50, no total. Alguns exemplos de variáveis são: o domicílio não tem banheiro (moradia); o lixo não é coletado de nenhuma forma (serviços de utilidade pública); a família sofre algum grau de insegurança alimentar (saúde e alimentação); há na família pessoas de seis a 17 anos fora da escola (educação); o domicílio tem contas de água ou luz atrasadas (acesso a serviços financeiros e padrão de vida); e a família avalia seu lazer como ruim (transporte e lazer).

Cada uma das 50 variáveis tem um peso na sua dimensão e recebe uma pontuação de zero ou um, na qual “um” indica que a pessoa ou a família sofre privação. Embora as variáveis tenham pesos individuais diferentes, todas as dimensões têm o mesmo peso na formação do IPQV. Ou seja, para o cálculo do índice, não há diferença de importância entre educação ou moradia, por exemplo.

Santa Catarina (IPQV de 0,100), São Paulo (0,113) e Paraná (0,113) têm os melhores IPQV (mais baixos), o que significa que os moradores desses estados têm menos impactos negativos e perdas na sua qualidade de vida. No outro extremo, Maranhão (0,260), Pará (0,244) e Acre (0,238) têm os maiores IPQV, ou seja, suas populações têm, em média, as perdas de qualidade de vida mais representativas do país.

Índice de Desempenho Econômico

Índice de Desempenho Econômico (IDS), por sua vez, busca medir o progresso socioeconômico dos estados e do país como um todo, descontadas as privações ou perdas de qualidade de vida sofridas pela população.

Para sua construção, utilizou-se a renda disponível familiar per capita, calculada pela POF 2017-2018, como medida de progresso socioeconômico, enquanto o Índice de Perda de Qualidade de Vida (IPQV) foi usado como indicador da privação.

Ao fazer uma espécie de “balanço” entre a renda disponível per capita e a perda de qualidade de vida, o IDS mostra em que medida a população consegue converter recursos financeiros em qualidade de vida.

O IDS da Bahia (5,686) foi o 13º mais baixo entre as 27 unidades da Federação e menor do que a média do país (6,201). A soma ponderada do IDS de cada unidade da Federação define o resultado do Brasil.

Os melhores desempenhos socioeconômicos, segundo o índice, estão no Distrito Federal (6,970), em São Paulo (6,869) e Santa Catarina (6,826). Já os piores estão no Maranhão (4,897), no Pará (5,099) e em Alagoas (5,264).

Entre os estados do Nordeste, a Bahia tem o segundo melhor, abaixo apenas de Sergipe (5,879).

Das seis grandes dimensões avaliadas pelo IPQV e que podem levar a perdas na qualidade de vida, as que mais impactam negativamente o Índice de Desempenho Socioeconômico da Bahia são acesso a serviços financeiros e padrão de vida e educação. Elas concentram, respectivamente, 20,2% e 18,6% das perdas de qualidade de vida no estado, e juntas somam quase 40%.

No Brasil como um todo, essas também são as duas dimensões com maiores privações, com 19,5% e 19,1% das perdas de qualidade de vida, respectivamente. Mas na Bahia o peso do acesso a serviços financeiros e padrão de vida entre as privações é maior que a média.

Nessa dimensão são levadas em conta variáveis como não ter conta corrente nem poupança em banco (variável de maior peso); não existir alguns bens no domicílio (como fogão, geladeira e máquina de lavar roupa); e a família ter contas de água, luz ou gás ou prestações atrasadas, entre outras questões.

Por outro lado, na Bahia, as dimensões que menos contribuem para a perda de qualidade de vida, e, logo, impactam menos o Índice de Desempenho Socioeconômico, são moradia (14,1%) e saúde e alimentação (14,7%).

No país como um todo, o acesso a serviços públicos é a dimensão que concentra menos perdas (13,9%), seguida de bem perto por saúde e alimentação (14%).

Nacionalmente, as perdas de qualidade de vida por conta de questões relacionadas à moradia (16,2%) são bem mais representativas do que na Bahia (14,1%). Dentre os estados, a população baiana tem o segundo menor impacto da dimensão moradia na qualidade de vida e no desempenho socioeconômico, acima apenas do verificado em Rondônia (13,8%).

Entre as variáveis consideradas na dimensão moradia estão densidade domiciliar excessiva; o domicílio ter mosquitos, insetos, ratos; e estar localizado em encosta, área sujeita a deslizamento ou inundação, entre outras.

Acompanhe o Destaque1 no Google Notícias e fique sempre bem informado.
Contribuir com jornalismo profissional e autêntico é um exercício de cidadania. Colabore com o jornalismo que apura e busca a verdade. Apoie o Destaque1 e ajude a manter a integridade da linha editorial do portal. Contribua com o valor que desejar. Chave Pix CNPJ: 13.791.382/0001-60. Good Comunicação Ltda, destaque1.com, compromisso com a verdade.
Publicidade
destaque-1-lateral
La Marine
Top Rastreamento
Contan
Ativa
ÓTICAS DESIGN
"Não quero politicagem, quero justiça", dispara Professora Angélica sobre acusações contra Dentinho
Entrevistas 6 de julho às 17:23

“Não quero politicagem, quero justiça”, dispara Professora Angélica sobre acusações contra Dentinho

APLB Dias d’Ávila cobra investigação do desabamento do telhado de escola municipal
Educação 6 de julho às 17:03

APLB Dias d’Ávila cobra investigação do desabamento do telhado de escola municipal

Anna Catarina, Colher de Pau e Carlos Roger integram programação do São Pedro neste fim de semana
Cultura e Entretenimento 6 de julho às 16:47

Anna Catarina, Colher de Pau e Carlos Roger integram programação do São Pedro neste fim de semana

Diretório do PT Camaçari emite nota sobre acusações de assédio moral e racismo envolvendo Dentinho
Política 6 de julho às 16:44

Diretório do PT Camaçari emite nota sobre acusações de assédio moral e racismo envolvendo Dentinho

Procon-BA inicia operação para acompanhar preços em postos de combustíveis após redução do ICMS
Últimas 6 de julho às 16:30

Procon-BA inicia operação para acompanhar preços em postos de combustíveis após redução do ICMS

Danilo Santiago apresenta novo show no Boulevard Shopping Camaçari
Cultura e Entretenimento 6 de julho às 16:25

Danilo Santiago apresenta novo show no Boulevard Shopping Camaçari

Feira de Jauá funciona em novo local a partir deste sábado
Camaçari 6 de julho às 16:25

Feira de Jauá funciona em novo local a partir deste sábado

Assista: vídeo mostra discussão entre Professora Angélica e Dentinho do Sindicato
Política 6 de julho às 16:02

Assista: vídeo mostra discussão entre Professora Angélica e Dentinho do Sindicato

Dão e Denise Correia são as atrações da edição especial do Culinária Musical deste domingo
Cultura e Entretenimento 6 de julho às 14:53

Dão e Denise Correia são as atrações da edição especial do Culinária Musical deste domingo

Telão cai durante inauguração em escola, atinge João Gualberto e outras quatro pessoas
Mata de São João 6 de julho às 12:42

Telão cai durante inauguração em escola, atinge João Gualberto e outras quatro pessoas

Sedap e Seduc iniciam projeto de hortas escolares na rede pública municipal de Camaçari
Educação 6 de julho às 12:06

Sedap e Seduc iniciam projeto de hortas escolares na rede pública municipal de Camaçari

Câmara diz que acusações da Professora Angélica serão analisadas para possível abertura de processo disciplinar contra Dentinho
Política 6 de julho às 11:31

Câmara diz que acusações da Professora Angélica serão analisadas para possível abertura de processo disciplinar contra Dentinho

Em nota, Dentinho afirma que acusações da Professora Angélica têm caráter 'politiqueiro'
Política 6 de julho às 11:21

Em nota, Dentinho afirma que acusações da Professora Angélica têm caráter ‘politiqueiro’

Em Brasília, Elinaldo discute operação de crédito para investimentos em saúde e infraestrutura
Política 6 de julho às 11:14

Em Brasília, Elinaldo discute operação de crédito para investimentos em saúde e infraestrutura

Seleção Masculina de Vôlei vence a Alemanha na Liga das Nações
Esporte 6 de julho às 11:00

Seleção Masculina de Vôlei vence a Alemanha na Liga das Nações

Ao lado de outros prefeitos baianos, Elinaldo participa de entrega de parecer da PEC 14/2022 à Câmara dos Deputados
Política 6 de julho às 9:42

Ao lado de outros prefeitos baianos, Elinaldo participa de entrega de parecer da PEC 14/2022 à Câmara dos Deputados

Neném de Dadinho é reeleito presidente da Câmara de Mata de São João
Política 6 de julho às 9:31

Neném de Dadinho é reeleito presidente da Câmara de Mata de São João

Seleção feminina desembarca na Colômbia para disputar Copa América
Esporte 6 de julho às 9:30

Seleção feminina desembarca na Colômbia para disputar Copa América

“É uma vitória para a cultura brasileira”, diz Cacá Leão ao comemorar derrubada de vetos presidenciais
Política 6 de julho às 9:05

“É uma vitória para a cultura brasileira”, diz Cacá Leão ao comemorar derrubada de vetos presidenciais

“É uma luta que vencemos por conta de uma forte mobilização”, afirma Lídice sobre derrubada de vetos às leis Aldir Blanc e Paulo Gustavo
Política 6 de julho às 8:54

“É uma luta que vencemos por conta de uma forte mobilização”, afirma Lídice sobre derrubada de vetos às leis Aldir Blanc e Paulo Gustavo

1XBET
1XBET
error: Alerta: para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou botões disponíveis na página. A medida visa preservar o investimento que o Destaque1 faz no jornalismo.