“O índice de violência contra a mulher dentro de Camaçari é alarmante”, dispara Cristiane Bacelar ao justificar criação de Ouvidoria

Com intuito de atender as vítimas de violência doméstica em Camaçari, a vereadora Cristiane Bacelar (PRB) fez a Indicação de nº 785/2019 que propõe ao Governo Municipal a criação de uma Ouvidoria para mapear e apoiar às mulheres vítimas de violência. A proposição foi apresentada durante a sessão ordinária da Câmara Municipal, nesta terça-feira (23), no Teatro Alberto Martins.

Em entrevista ao Destaque1, Cristiane Bacelar afirmou que esta é uma forma de colaborar na criação de políticas públicas às mulheres. “O índice de violência contra a mulher dentro de Camaçari é alarmante, então quanto mais ações pertinentes à causa, mais fácil fazer políticas públicas voltadas pra elas. Então, essa Ouvidoria é uma forma da gente estar absorvendo em tempo real a necessidade dessas mulheres”, enfatizou.

A vereadora também contou a importância da indicação e a forma de funcionamento dessa Ouvidoria. “Já existe o programa de empoderamento, um programa onde a gente tá chamando essas mulheres a denunciar, mas e aí? Denuncia e vai pra onde? E faz o quê? Tem o 180, mas eu acho que a gente tem que voltar uma ação mais especifica para Camaçari. Então, essa Ouvidoria vai acolher a denuncia e através dela a gente poder direcionar o atendimento tanto na forma de acolhimento para essas mulheres como também na forma de construção de políticas públicas específicas baseadas em dados e informações claras e reais, porque a gente não vai estar criando números, a gente vai ter uma realidade do retrato do município em relação a essa violência”, explicou. A indicação foi aprovada com unanimidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.