No terceiro trimestre deste ano, número de trabalhadores com carteira assinada reduziu

De acordo com pesquisa realizada pelo Instituo Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no terceiro trimestre deste ano, na Bahia, os empregados no setor privado com carteira de trabalho assinada (exceto empregados domésticos) somavam 1,454 milhão de pessoas, menor contingente para um terceiro trimestre e segundo menor contingente, considerando todos os meses da série histórica da PNAD Contínua (desde 2012).

Houve discretos recuos nesse contingente tanto em relação ao segundo trimestre, quando os trabalhadores com carteira somavam 1,472 milhão de pessoas, quanto frente ao terceiro trimestre de 2018 (1,463 milhão). Em ambos os casos, porém, as variações são consideradas estabilidade estatística.

Por outro lado, 1,081 milhão de pessoas eram empregadas no setor privado sem carteira assinada no terceiro trimestre deste ano, na Bahia. O número também mostrou uma leve queda em relação ao segundo trimestre, quando havia chegado a 1,092 milhão de pessoas, e ficou igual ao do terceiro trimestre de 2018.

Já os trabalhadores por conta própria somavam 1,703 milhão no terceiro trimestre deste ano. Um número um pouco menor que o 1,707 milhão verificado no 2º trimestre e abaixo também do registrado no ao terceiro trimestre de 2018 (1,723 milhão).

Mesmo com essas pequenas reduções de contingente, no terceiro trimestre de 2019 os empregados sem carteira assinada e os ocupados por conta própria somavam 2,784 milhões de pessoas na Bahia, ou quase metade (48,0%) de todos os trabalhadores do estado.

Além disso, na Bahia, 913 milhões de pessoas que trabalhavam no terceiro trimestre estavam subocupadas por insuficiência de horas, ou seja, trabalhavam menos horas do que gostariam e poderiam trabalhar. Esse grupo diminuiu um pouco frente ao segundo trimestre (quando eram 949 mil subocupados), mas cresceu em relação ao terceiro trimestre de 2018 (898 mil) e representava 15,7% dos trabalhadores baianos.

Leia também 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.