Na China, Rui Costa visita empresa que irá fabricar trens do VLT Salvador – Simões Filho

Na terceira etapa da viagem internacional, o governador Rui Costa (PT) está na China e visitou a fábrica da BYD, em Shenzen. A empresa será a responsável pela fabricação dos trens do Veículo Leve de Transporte (VLT) da capital baiana.

“Estamos aqui na empresa BYD conhecendo toda tecnologia, os investimentos na produção de ônibus elétrico, carro elétrico e, também, na produção do nosso VLT, no nosso trem que nós vamos colocar no subúrbio em Simões Filho, em Salvador”, disse Rui em vídeo publicado em sua página oficial no Facebook.

Especificamente, o VLT vai ligar a região do comércio de Salvador à Ilha de São João, em Simões Filho. Conforme o governo estadual, as atuais 10 estações dos trens do Subúrbio serão desativadas e reaproveitadas para a prestação de outros serviços à comunidade, a exemplo de postos da Polícia Militar e centros de atendimento.

O contrato com o consórcio vencedor do leilão realizado em maio de 2018, com a Skyrail Bahia, composto pelas empresas Build Your Dreams (BYD Brasil) e Metrogreen, foi assinado em fevereiro deste ano e tem o valor total de R$ 1,5 bilhão. As companhias serão responsáveis pela implantação e operação do sistema. A obra será realizada por meio da modalidade de Parceira Público – Privada (PPP).

Na época da assinatura do contrato, a previsão era de que as obras iniciassem em seis meses, ou seja, em agosto de 2019.

O VLT terá cerca de 20 km de extensão, 22 estações e capacidade para transportar aproximadamente 150 mil passageiros por dia. O sistema é do tipo monotrilho, movido à propulsão elétrica, sem emissão de agentes poluentes.

Um comentário em “Na China, Rui Costa visita empresa que irá fabricar trens do VLT Salvador – Simões Filho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.