Moda sustentável: com peças a partir de R$ 5, ‘Bazar das Amigas’ será neste fim de semana

Reverberar a cultura sustentável através da reutilização de roupas e calçados. Esse é o objetivo principal da sexta edição do Bazar das Amigas, que será realizada sábado (5) e domingo (6), no quiosque dois do Condomínio Verde Ville II, em Camaçari.

Serão mais de três mil peças de roupas usadas e algumas novas que estarão disponíveis para os adeptos e amantes da moda econômica durante os dois dias de bazar. O atendimento terá início às 10h no sábado e às 8h no domingo.

Novidade

Um total de 17 amigas e expositoras comercializarão roupas, calçados, livros, bijuterias, acessórios em prata e cactos. A novidade dessa edição é a liquidação total de peças, com valores a partir de R$ 5. Além dos serviços, o público contará com a técnica da massoterapia.

Diversas opções de roupas no Bazar das Amigas. Foto: Maryane Meira

Uma das organizadoras, a jornalista Maryane Meira explica que a finalidade principal é amadurecer a cultura de utilizar as peças de segunda mão. “A ideia é vender todas as peças, livros, sapatos e acessórios. Para tanto, pensamos em uma liquidação total. Lembrando que os preços etiquetados são os mais justos possíveis, e a finalidade principal é amadurecer a cultura de utilizar as peças de segunda mão. Vestir bem e pagando pouco”, enfatiza.

Livros e cactos no Bazar das Amigas. Foto: Maryane Meira

Histórico

As edições passadas aconteceram no salão de festa do Condomínio Verde Ville e reuniram visitantes de Camaçari e cidades vizinhas, como Salvador, Dias d’Ávila, Mata de São João e Simões Filho.

Em agosto e setembro foram realizados duas edições no bairro Gleba C, em Camaçari. Na oportunidade, mais de 100 pessoas visitaram o espaço.

Mais informações podem ser adquiridas através do Instagram do Bazar.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.