Feira Boa irá retomar atividades em Camaçari e gerar 250 novos empregos no próximo ano

A empresa Feira Boa Indústria e Comércio de Produtos Alimentícios, que integra o Grupo Cicopal com marcas já consagradas no mercado irá retomar as atividades em Camaçari. Nesta quinta-feira (21), o prefeito Elinaldo Araújo (DEM) se reuniu com o presidente do grupo, Vanderlan Cardoso, e o diretor, Victor Cardoso.

A sede da empresa fica no Jardim Limoeiro e deve ser ampliada para comportar o novo projeto, no qual está previsto a produção de novos produtos, como refresco em pó, temperos, condimentos, adoçante, ketchup e maionese.

A expectativa é de que a primeira etapa do projeto seja posta em operação em maio de 2020. Com isso, devem ser gerados, entre cargos na área de produção e de venda, cerca de 250 postos de trabalho. Já na segunda etapa, prevista para ocorrer entre dois e três anos, o número de vagas de empregos deve chegar a 400, superior ao gerado anteriormente pela empresa, quando chegou a contar com 300 colaboradores.

O gestor municipal celebrou a reabertura da fábrica. “As ofertas de novos postos de trabalho são sempre celebradas por nós, que temos feito nossa tarefa de casa, dando condições e a segurança jurídica necessária para atrair novos investimentos, além de estarmos qualificando a nossa gente para que possam aproveitar essas oportunidades”, afirmou.

O diretor do grupo destacou que irá aumentar o número de funcionários, comparado o quadro anterior. “O intuito nosso é de retomar os investimentos no município, estamos aqui há mais de 15 anos. Queremos retomar as atividades da nossa empresa não somente com o número de funcionários que tínhamos anteriormente, mas viremos com novas linhas de produção, que vai resultar na ampliação da estrutura e consequentemente do número de empregos gerados no município”, explicou Vanderlan.

Leia também 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.