Fiquem conectados conosco

Geral

Escola Municipal inova com projeto “Dias d’Ávila: Qual a sua história?”

Avatar

Publicado

-

Nesta terça-feira (30), a Prefeitura de Dias d’Ávila, através da Secretaria de Educação (Seduc), com o apoio do Comitê de Fomento Industrial de Camaçari (Cofic) realizou a culminância do Projeto intitulado: Dias d’Ávila, qual a sua história?

O projeto foi desenvolvido pelos alunos do 3° ao 5° da Escola Municipal Anísio Teixeira, com o apoio dos professores e abordou temas como emancipação de Dias d’Ávila, gestores municipais, Polo Industrial de Camaçari, agricultura familiar, benefícios da água, Castelo Garcia d’Ávila, lama medicinal, Rio Imbassaí, entre outros.

Durante a construção do projeto foram realizadas diversas pesquisas e alguns passeios pedagógicos, o que gerou inúmeras descobertas dos envolvidos. Os alunos enriqueceram demasiadamente os seus conhecimentos e o objetivo proposto pela escola, de melhorar a qualidade da leitura, escrita e oralidade, foi alcançado.

História de Dias d’Ávila

Com a descoberta das qualidades terapêuticas das águas do Rio Imbassaí e, graças ao Padre Torrend, grande divulgador dessas virtudes que eram consideradas como uma das melhores do mundo, o distrito de Dias d’Ávila, pertencente a Camaçari, passou a ser considerado local de veraneio, lazer e, principalmente, próprio para tratamento de saúde, atraindo, assim, milhares de veranistas, motivo pelo qual tornou-se Estância Hidromineral.

Após a implantação do Polo Petroquímico, por volta dos anos 80, e com o significativo incremento demográfico, já não somente os veranistas ocupavam o distrito, mas também os novos moradores, funcionários do Polo, formando uma população estável, que resolveram se unir e lutar pela emancipação.

Até 1985, Camaçari, devido a seus diversos problemas, não dava conta da manutenção do distrito que, até então, encontrava-se abandonado. Com isso os próprios moradores requereram a emancipação política da estância.

O trabalho de emancipação foi árduo, visto que a estância não possuía condições econômicas nem estruturais para se libertar, o que gerou movimentos que buscaram a melhoria das condições na estância, provando esta ser capaz de se manter. Um grupo de destaque nesse processo foi a Sociedade Amigos Dias d’Ávila, criado por volta dos anos 70, que renderam duas conquistas importantes: a implantação da 25º delegacia de polícia e a linha para a capital, ausente até então.

Os limites da estância foram amplamente discutidos e só com a confirmação de que a Caraíba Metais, atual Paranapanema, estava instalada dentro dos limites do município, que se deu o último passo para a emancipação.

No dia 25 de junho de 1984, era publicada a lei que ratificava os limites e criava o município. Porém só em 25 de fevereiro de 1985 foi oficialmente confirmada a emancipação e a criação da cidade de Dias d’Ávila.

publicidade
CAMAÇARI CARD
SUPERLIMP
Natal Boulevard 300×250

Copyright © 2017-2020 Destaque1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução parcial ou total de conteúdo deste site sem autorização por escrito da Good Comunicação Ltda. Rua Francisco Drumond, nº 54 A, 1º Andar, Sala 102, Centro, Camaçari, Bahia.

error: Alerta: Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou botões disponíveis na página. A medida visa preservar o investimento que o Destaque1 faz no jornalismo.