Enem contará com versão digital a partir de 2020; formato será consolidado em 2026

O Ministério da Educação (MEC) anunciou nesta quarta-feira (3) que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terá aplicação digital a partir de 2020. O MEC prevê que em 2026 já não haja mais a prova impressa. A mudança não afeta os estudantes que farão a prova este ano.

No primeiro ano de teste, o modelo digital será aplicado para 50 mil pessoas em 15 capitais do país. Os participantes poderão escolher, no ato de inscrição, pela aplicação piloto no modelo digital ou pela tradicional prova em papel.

O número de aplicações da prova digital aumentará progressivamente. Em 2021, serão feitas duas aplicações digitais da prova. Depois, a partir de 2022 a ideia do MEC é que a aplicação da prova seja feita em quatro ocasiões, em datas diferentes agendadas ao longo do ano. Em 2026, a versão em papel para de ser distribuída e o exame será apenas em formato digital.

Confira as capitais que receberão a prova em formato digital em 2020:

  • Belém (PA);
  • Belo Horizonte (MG);
  • Brasília (DF);
  • Campo Grande (MS);
  • Cuiabá (MT);
  • Curitiba (PR);
  • Florianópolis (SC);
  • Goiânia (GO);
  • João Pessoa (PB);
  • Manaus (AM);
  • Porto Alegre (RS);
  • Recife (PE);
  • Rio de Janeiro (RJ);
  • Salvador (BA);
  • São Paulo (SP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.