Cristiane Bacelar defende que unidades de saúde tenham intérprete de Libras em Camaçari

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 9,7 milhões de brasileiros têm deficiência auditiva, o que representa 5,1% da população do país.

Na sessão da Câmara Municipal de Camaçari nesta quinta-feira (1), no Teatro Alberto Martins, a vereadora Cristiane Bacelar (PRB) utilizou a tribuna para defender a promoção da inclusão e melhor acolhimento aos deficientes auditivos no sistema de saúde de Camaçari.

A vereadora apresentou a indicação de nº 1004/2019 que propõe que haja um profissional de Língua Brasileira de Sinais (Libras) para auxiliar a comunicação do paciente com os profissionais nas unidades de saúde do município.

“Nós sabemos da limitação do cidadão que tem deficiência auditiva, o cidadão quando ele chega na unidade de saúde, ele chega com sintomas, com reações, com emoções, as quais precisam ser expressadas até mesmo para o profissional de saúde que vai lhe atender possa identificar o que ele está sentindo de fato. Então, avaliamos a importância de termos dentro de cada unidade um profissional de Libras para poder auxiliar nessa comunicação do paciente com o profissional”, destacou Cristiane.

A matéria foi aprovada por unanimidade e segue agora para análise da Prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.