Compromisso da Braskem viabiliza expansão de parque eólico da EDF Renewables no noroeste da Bahia

Por meio de um compromisso de longo prazo na compra de energia renovável na Bahia, a Braskem, maior petroquímica das Américas e líder global na produção de biopolímeros, viabilizará a expansão da primeira fase do Complexo Eólico Folha Larga, da EDF Renewables do Brasil. Esse novo parque de energia renovável, localizado no município de Campo Formoso, a 350 km a noroeste de Salvador, contribuirá para colocar a Bahia entre os líderes no setor nos próximos anos.

Pelo acordo, a Braskem se compromete a comprar energia do projeto da EDF Renewables por 20 anos em um contrato estimado em aproximadamente R$ 400 milhões. O empreendimento foi viabilizado pela contratação de venda de energia de longo prazo nos leilões do governo, e também pela celebração do compromisso da Braskem no ambiente de contratação livre.

“A Bahia tem se tornado referência nacional em energia renovável”, afirma Gustavo Checcucci, diretor de Energia da Braskem. “Estamos fazendo nossa parte para o desenvolvimento desse setor e para o crescimento do Estado da Bahia. Ao investir numa matriz limpa e sustentável, estamos reduzindo a quantidade de emissões de CO2 em 325 mil toneladas ao longo do período do contrato”, diz Checcucci.

A Bahia tem atualmente 113 parques eólicos em operação, com potência instalada de aproximadamente 3,0 GW, segundo dados da Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). Os investimentos já contratados no setor durante o ano por meio dos leilões de energia devem fazer o Estado da Bahia ganhar mais 622 MW de energia eólica até 2024. A região de Campo Formoso onde está localizado o parque eólico apresenta vento forte e constante, muito favorável à eficiência da geração de energia eólica.

Estabelecida há três anos no Brasil, a EDF Renewables encontra-se entre as líderes do país no setor de energias renováveis, totalizando cerca de 1 GW em projetos de energia eólica e solar, já considerando as iniciativas que estão em operação e em fase de construção.

Na Bahia, a empresa francesa conta ainda com o Complexo Eólico Ventos da Bahia, município de Bonito e de Mulungu do Morro, com capacidade para produzir 183 MW. Além disso, a EDF Renewables concluiu em 2018 a construção do Complexo Solar de Pirapora, o maior da América do Sul em operação, localizado no norte de Minas Gerais, que tem capacidade total de 400 megawatts pico em operação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.