Caso Eva Luana: padrasto é transferido para presídio da Mata Escura

Thiago Oliveira Alves, padrasto de Eva Luana, já está no Centro de Observação Penal no Complexo Penitenciário de Salvador, na Mata Escura. O ex-assessor técnico da Secretaria Municipal de Habitação (Sehab) estava em prisão preventiva desde o dia 13 de fevereiro na Delegacia de Atendimento a Mulher em Camaçari (DEAM), aguardando vaga no presídio.

A informação foi confirmada pela Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização do Estado da Bahia (SEAP), que não soube informar a data da transferência.

O Centro de Observação Penal é destinado à realização de exames gerais, inclusive criminológicos, de presos condenados pela Comarca de Salvador, e ao recolhimento especial de presos, condenados ou provisórios – como é o caso do padastro da vítima – com mais de 60 anos, além dos autorizados pela Corregedoria Geral da Justiça e que eram funcionários da Administração da Justiça Criminal.

Thiago Alves é indiciado pelos crimes de tortura, abuso e estupro, após denúncia feita por Eva Luana, que relatou também em suas redes sociais os abusos físicos, sexuais e psicológicos sofridos por oito anos.

O inquérito está na 1ª Vara da Justiça pela Paz em Casa, no Fórum Clemente Mariani, em Camaçari, e o processo corre em segredo de Justiça.

Leia também

Estudantes da Famec organizam protesto em favor de Eva Luana
Caso Eva Luana: inquérito corre em segredo de Justiça na 1ª Vara pela Paz em Casa; acusado segue em prisão preventiva na DEAM

3 comentários em “Caso Eva Luana: padrasto é transferido para presídio da Mata Escura

  • sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019 em 15:02
    Permalink

    Que ódio dele!! Te odiamos seu imundo, em nome de todas as mulheres, seu nojento desgraçado, desejo que vc pague por cada minuto de dor física e psicológica que vc provocou!!

    Resposta
  • segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019 em 20:02
    Permalink

    Gostaria que fizessem o mesmo que você fez com ela você tem que morrer na cadeia

    Resposta
  • quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019 em 10:24
    Permalink

    Um lixo desse tem que sofrer cada segundo da boxta de vida dele na cadeia e sair de lá somente morto.
    Nojo mto nojo!!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.