Camaçari: diálogo entre surdos e ouvintes, especialistas realizam ciclo de debates dia 27 de abril

A Língua Brasileira de Sinais (Libras) é a segunda língua mais utilizada pelos cidadãos e muitas vezes as pessoas não possuem essa percepção e atenção para o assunto. Pensando na inclusão social e uma comunicação acessível, a segunda edição do evento Surdo em Cena apresenta ao público um ciclo de palestras com a temática “Levando a Cultura Surda para perto dos ouvintes”. O evento será realizado no dia 27 de abril, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 15h30, com intervalo de 30 minutos, no auditório do Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães em Camaçari. O ingresso custa R$ 30.

O evento contará com quatro palestras, a primeira abordará as ‘Tecnologias para Surd@s’ com a participação de Igor Santos que é roteirista, produtor cultural, videomaker, ledor, transcritor, tradutor e interprete de Libras. Além do Lucas Jambeiro, instrutor de Libras, graduando em matemática e letras Libras. Juntos, eles produzem conteúdos para um canal no youtube, TV ComuniLibras que aborda informações e notícias do cotidiano.

O segundo debate traz como assunto ‘Estudos Surd@s e Libras: bullyng e consequências’, com os palestrantes e psicólogos bilíngues (português e libras) Bruno Pierin, professor e mestre em Libras pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), e Atanael Weber especialista em tradução, interpretação e docência em Libras.

Em seguida, terá  a palestra ‘Youtube pra Surd@s’, os mediadores do debate serão Marcos Neves, graduando em pedagogia, professor de Libras e mídia sociais, e Gabriela Mattos, especialista em Libras, pedagoga, e interprete de Libras. Juntos, eles também produzem conteúdos para a comunidade surda através youtube, explicando sobre as gírias e diálogos da linguagem conhecida como ‘baianês’.

Encerrando o evento, um outro tema a ser tratado é relacionado a saúde, doenças sexualmente transmissíveis em Libras. Os palestrantes que farão esta abordagem são Maurício Damasceno, professor especialista em Libras pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), e Joselito Mendes, professor especialista em artes visuais, assessor do Centro de Surdos da Bahia (Cesba) e  graduando em pedagogia bilíngue na UFBA.

Para participar, os interessados devem realizar a inscrição através de um formulário disponível aqui, até o dia 20 de abril. O evento dá direito a certificado, que será enviado por e-mail.

Juntos, Flávia Mattos (surda), Igor Santos (tradutor e interprete), Lucas Jambeiro (surdo), Maurício Damasceno (surdo) e Joselito Mendes (surdo) idealizaram o projeto Surdo em Cena com o intuito de levar para a população mais informações e esclarecimentos acerca deste universo.

*Matéria atualizada 3 de Abril, às 6h40.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.