Camaçari: com apenas 68% do número de doses, campanha de vacinação contra BCG começa hoje

As vacinas que compõem o calendário básico de vacinação são distribuídas aos municípios de acordo com cronograma estabelecido pelos estados, conforme pedido realizado pelas secretarias municipais de saúde.

No entanto, a Secretaria de Saúde de Camaçari (Sesau) revelou em nota, nesta segunda-feira (22), que o Ministério da Saúde, distribuiu aos estados apenas 68% da cota mensal da vacina BCG, prevista para o mês de julho. A situação se deve ao fato de que alguns lotes da vacina aguardam liberação do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS).

De acordo com a Sesau, mensalmente, Camaçari solicita à Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), cerca de 2.500 doses da vacina BCG. Entretanto, há alguns meses esse quantitativo não vem sendo fornecido em virtude do desabastecimento nacional.

Para o mês de julho, foram recebidas apenas 400 doses da vacina BCG, distribuídas em 10 unidades de saúde, a partir desta segunda-feira (22). A aplicação da vacina ocorrerá com agendamento na própria unidade de saúde.

A vacina BCG encontra-se disponível no Hospital Geral de Camaçari e nas salas de vacina, nas seguintes unidades de saúde:

  • USF Ponto Certo
  • USF Nova Aliança
  • UBS Gravatá
  • UBS Gleba B
  • UBS Camaçari De Dentro
  • USF Parque Das Mangabas
  • UBS Monte Gordo
  • UBS Vila De Abrantes
  • USF Barra Do Pojuca
  • UBS Arembepe

A Sesau ainda salienta que não há previsão de normalização no abastecimento da vacina BCG por parte do Ministério da Saúde. As demais vacinas de rotina que compõem o calendário básico estão disponíveis nas salas de vacina em funcionamento nas unidades de saúde do município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.