Camaçari: chapa única, Márcio Neves e Patrícia Oliveira irão comandar o PT em 2020

Dois professores estarão no comando do Partido dos Trabalhadores (PT) em Camaçari no próximo período. Entre as principais tarefas da dupla está a eleição municipal de 2020.

O ex-secretário de Educação de Camaçari, Márcio Neves, será alçado ao cargo de presidente do partido. Já a ex-vereadora Patrícia Oliveira ocupará a vice-presidência da legenda. Os petistas substituem o vereador Jackson Josué e o ativista cultural Bispo da Cultura.

Márcio e Patrícia integram uma grande aliança interna formada pelas tendências Resistência Socialista (RS), que tem os vereadores José Marcelino e Dentinho do Sindicato como principais líderes em Camaçari, e a Democracia Socialista (DS), que conta com o ex-deputado estadual Bira Corôa no quadro da corrente.

Além das tendências, outras forças importantes construíram a unidade partidária em torno de apenas uma chapa para o Processo de Eleições Direta (PED) em setembro, a exemplo do ex-deputado federal Luiz Caetano que indicou o nome de Márcio, a ex-secretária de Desenvolvimento Econômico da Bahia, Luiza Maia, e os vereadores Jackson Josué e Téo Ribeiro.

O prazo para inscrição de chapas e candidatos a presidente para o PED terminou nesta sexta-feira (26).

“Sou candidato à presidência do PT de Camaçari e terei ao meu lado a experiência da professora Patricia Oliveira que já foi vereadora do município. O PT sai unido rumo a Eleição 2020, Porém ainda temos a tarefa de levar o militante até às urnas para chancelar o pleito. O desafio é grande, pois será uma honra ser o porta voz do partido que transformou nosso país e que deu visibilidade a segmentos da sociedade que sempre foram invisíveis”, afirma Márcio Neves.

Ainda de acordo com o petista, o partido irá trabalhar para unificar as oposições e elaborar um projeto político que contemple todo município. “Uma grande missão é agora unir as oposições e juntos apresentarmos a sociedade camaçariense um lindo projeto que atenda a todo nosso povo, mostrar que é possível uma Educação transformadora e uma saúde humanizada de verdade. Vamos buscar nos sonhos da juventude essa inspiração, conversando com cada tribo nas quais eles se organizam e insistir exaustivamente em trazer os vários segmentos da sociedade para um debate político qualificado que aponte os novos rumos de desenvolvimento que Camaçari quer e precisa”, revelou.

*Matéria atualizada para acréscimo de informação às 17h em 27 de julho de 2019

Leia também

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.