Fique conectado conosco
SEBRAE
Boulevard
ATIVA

Saúde

Alvo de denúncias, Maternidade de Camaçari não informa quantos partos foram realizados desde inauguração

A unidade também não indicou quando foi feito o primeiro parto.

Camila São José

Publicado

em

Alvo de denúncias, Maternidade de Camaçari não informa quantos partos foram realizados desde inauguração
Fotos: Hyago Cerqueira/Destaque1

Há 24 dias em funcionamento, a Maternidade de Camaçari tem sido alvo de denúncias relacionadas ao atendimento. A unidade tem ofertado consultas, exames e ultrassonografias, mas os partos normais e cirúrgicos são mencionados como pontos críticos.

A Maternidade foi inaugurada no dia 30 de setembro e abriu as portas no dia 3 de outubro. Desde então, gestantes de Camaçari têm relatado a dificuldade para conseguir atendimento, especialmente em relação ao parto.

Publicidade
destaque-1-lateral
Ativa
Contan
Top Rastreamento
La Marine

Grávida de sete meses do terceiro filho, uma moradora do Bairro Novo afirmou à reportagem estar buscando auxílio da unidade desde o período da inauguração. “Desde o início que foi inaugurada essa maternidade, eu estou sempre indo pra ter informações de quando de fato estará funcionando, mas sempre que vou a resposta é sempre a mesma: ainda não está funcionando e nem tem previsão”.

A gestante enfrenta uma gravidez de risco, e durante a gestação tem lidado com a colestase gestacional, uma espécie de cirrose biliar, “fígado gorduroso”, que causa coceira e desconforto. “Não é muito conhecido, pois é uma doença um pouco rara, atinge uma parte muito pequena de mulheres gestantes. Descobri no início da gestação, quando estava com aproximadamente três meses, tive logo o diagnóstico por um hepatologista. Nesses casos o parto tem que ser antecipado, porque o problema pode chegar até o bebê e levar a ter um sofrimento fetal”, explica.

Na segunda-feira (24), após publicação de reportagem do Destaque1 (lembre aqui), a gestante confirmou ter retornado à Maternidade de Camaçari. “Inclusive ontem [segunda-feira] estive lá, logo após essas notícias de que já teve atendimento, e a resposta não foi diferente: que não há atendimento e que não tem previsão”, diz.

Ela é acompanhada pelo Centro de Atenção à Saúde da Mulher, na Gleba B, e assegura que “nunca fui atendida lá, nunca tive acesso à Maternidade”. Segundo a paciente, ela deverá ser encaminhada para alguma unidade de referência em Salvador.

Em outro relato obtido pelo Destaque1, um homem contou ter procurado a Maternidade há cerca de três semanas para atendimento à esposa, que está grávida de nove meses, e recebeu a informação de que inicialmente estaria funcionando apenas o setor administrativo. “Não tinha previsão de quando ia funcionar o parto normal, falaram lá em 60 dias”, relatou.

Depois da reportagem do Destaque1 veiculada na última segunda-feira, ele e a esposa retornaram à unidade, e hoje (26) conseguiram dar entrada para fazer o parto (saiba mais).

Atendimento e parto

Nesta quarta-feira, o Destaque1 retornou à Maternidade de Camaçari e conversou com a diretora-geral, Aline Costa, que sinalizou que há quase um mês a unidade está funcionando de forma gradativa.

Alvo de denúncias, Maternidade de Camaçari não informa quantos partos foram realizados desde inauguração

Aline Costa, diretora-geral da Maternidade de Camaçari. Foto: Hyago Cerqueira/Destaque1

“Nós estamos em funcionamento desde o dia da inauguração, a gente está em um funcionamento gradativo. Foram atendidas nas primeiras duas semanas mais de 80 mulheres, foram realizados mais de 30 exames de ultrassonografia, foram realizadas inserção de DIU, preventivo para as mulheres, e as questões de parto e nascimento, a gente foi recebendo gradativamente. Hoje a gente já tem partos realizados, tanto normais quanto cirúrgicos, a gente está com a porta aberta. A gente tem consultas de pré-natal de risco habitual e de alto risco sendo ofertadas e realizadas todos os dias”, comentou.

Questionada sobre quando foi realizado o primeiro parto e quantos procedimentos do tipo foram feitos até o momento, a diretora-geral afirmou apenas não ter os dados disponíveis no momento da entrevista.

Nesta quarta, a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) também divulgou informações sobre a Maternidade de Camaçari e garantiu que até o momento foram realizados 278 atendimentos, entre consultas médicas, exames de ultrassonografia, colocação de DIU, consultas de pré-natal e outros procedimentos. No entanto, a Sesab também não confirmou quantos partos foram feitos até então, nem quando ocorreu o primeiro procedimento.

O Destaque1 ainda entrou em contato com a assessoria de comunicação da Fundação Estatal da Família (Fesf), responsável pela administração da Maternidade, para obter os dados referentes aos partos normais e cirúrgicos, e o número de gestantes acompanhadas pela unidade, mas até o fechamento desta matéria as informações não foram repassadas.

A diretora-geral da Maternidade também destacou que, nas primeiras semanas, algumas gestantes de alto risco precisaram ser encaminhadas para outras unidades. “Porque a gente não estava com o serviço de alto risco ainda em funcionamento”, pontuou. “Mas essas mulheres que precisaram, elas foram atendidas aqui. As que estou te falando foram as que chegaram até aqui, foram atendidas, classificadas risco, passou pelo médico e a gente encaminhou com segurança ou para o Hospital Geral de Camaçari ou, caso a criança necessitasse de UTI neonatal, para outro serviço da rede de Salvador”, complementou.

“É um atendimento via regulação e por demanda espontânea. Então, ele não é feito só pela regulação, a gente está recebendo todas as mulheres que procuram espontaneamente a unidade”, apontou.

Quanto à capacidade de atendimento, a Maternidade hoje opera com 80% da sua capacidade. São 80 leitos de internação nas especialidades de obstetrícia clínica e cirúrgica com gestão de alto risco, além de 10 leitos de UTI Neonatal (UTIN), 10 leitos de UCI Neonatal (UCINCO), cinco leitos de UCI Neonatal Canguru (UCINCA) e cinco leitos de PPP (pré-parto, parto e pós-parto).

Alvo de denúncias, Maternidade de Camaçari não informa quantos partos foram realizados desde inauguração

Sala de parto da Maternidade. Foto: Hyago Cerqueira/Destaque1

Equipe

Na semana passada, quando o Destaque1 esteve pela primeira vez na Maternidade após a inauguração, diversos profissionais aguardavam do lado de fora da unidade para participar de processo seletivo.

Aline Costa explica que 90% da equipe está contratada, com médicos em plantão 24 horas, e as contratações estão em andamento. De acordo com a diretora-geral, atualmente dois médicos pediatras, dois anestesistas e dois obstetras atuam por plantão durante o dia, e à noite o plantão conta com um anestesista, mais dois médicos obstetras e dois pediatras.

“Hoje já estamos com a equipe 90% contratada, e então, desde que a gente inaugurou, nós viemos contratando as equipes. Então, por isso que na semana passada ainda estava tendo processo seletivo, porque a gente não tem tantos profissionais especializados disponíveis assim, de cara. Então, a gente tem contratado pessoas que são primeiro emprego, tem pessoas com experiência na atenção mais básica e tem pessoas com experiência na atenção mais especializada, porque a gente tem serviços aqui que eu preciso de profissionais com experiência e com formação específica, como unidade neonatal, gestante de alto risco, são profissionais que precisam de conhecimento e experiência prévia para uma melhor atenção”.

Partos de risco

A unidade realiza partos de alto risco, e quando esse risco é ligado diretamente à gestante, a depender do caso, ela poderá fazer o parto na Maternidade ou ser encaminhada para uma unidade de referência, já que o hospital não dispõe de UTI adulto gestacional.

“Hoje a gente tem pactuado com fluxo imediato para a UTI adulto do HGC, e se necessário especificamente UTI materna, a gente encaminha para a José Maria de Magalhães, que é a grande referência em alto risco materno”, informou a diretora.

Assista:

YouTube video

Acompanhe o Destaque1 no Google Notícias e fique sempre bem informado.
Contribuir com jornalismo profissional e autêntico é um exercício de cidadania. Colabore com o jornalismo que apura e busca a verdade. Apoie o Destaque1 e ajude a manter a integridade da linha editorial do portal. Contribua com o valor que desejar. Chave Pix CNPJ: 13.791.382/0001-60. Good Comunicação Ltda, destaque1.com, compromisso com a verdade.
Publicidade
destaque-1-lateral
Ativa
Contan
Top Rastreamento
La Marine
Mega-Sena deste sábado paga prêmio de R$ 100 milhões
Últimas 3 de dezembro às 12:08

Mega-Sena deste sábado paga prêmio de R$ 100 milhões

Hemoba tem novo horário de funcionamento aos sábados a partir de hoje
Salvador 3 de dezembro às 11:58

Hemoba tem novo horário de funcionamento aos sábados a partir de hoje

Abastecimento de água será interrompido em mais de 30 bairros de Camaçari na terça-feira
Últimas 3 de dezembro às 9:36

Abastecimento de água será interrompido em mais de 30 bairros de Camaçari na terça-feira

Marcenaria oferta vaga de emprego em Camaçari
Emprego 3 de dezembro às 9:30

Marcenaria oferta vaga de emprego em Camaçari

Sobe para 8 mil o número de casos ativos de Covid-19 na Bahia em 24 horas
Saúde 3 de dezembro às 9:17

Sobe para 8 mil o número de casos ativos de Covid-19 na Bahia em 24 horas

Camaçari: com cerimônia no Teatro Cidade do Saber, Proerd forma 746 estudantes na sede
Educação 3 de dezembro às 9:05

Camaçari: com cerimônia no Teatro Cidade do Saber, Proerd forma 746 estudantes na sede

Governo estadual atualiza decreto e modifica regras para realização de eventos na Bahia
Saúde 3 de dezembro às 8:37

Governo estadual atualiza decreto e modifica regras para realização de eventos na Bahia

Sesau realiza hoje Dia D de vacinação contra Covid-19 na sede e orla de Camaçari
Saúde 3 de dezembro às 8:21

Sesau realiza hoje Dia D de vacinação contra Covid-19 na sede e orla de Camaçari

Brasil perde para Camarões, mas se classifica como primeiro do grupo G
Copa do Mundo 2 de dezembro às 18:32

Brasil perde para Camarões, mas se classifica como primeiro do grupo G

Na Bahia, em 2021, seis de cada 10 trabalhadores ganhavam, em média, menos que o salário mínimo
Economia 2 de dezembro às 13:11

Na Bahia, em 2021, seis de cada 10 trabalhadores ganhavam, em média, menos que o salário mínimo

Comercialização através de food trucks é regulamentada em Camaçari
Economia 2 de dezembro às 13:01

Comercialização através de food trucks é regulamentada em Camaçari

Nestor Mendes Jr. lança terceiro livro sobre o Esporte Clube Bahia
Esporte 2 de dezembro às 12:48

Nestor Mendes Jr. lança terceiro livro sobre o Esporte Clube Bahia

Em 2021, proporções de pessoas na pobreza e extrema pobreza atingiram patamares recordes na Bahia
Últimas 2 de dezembro às 12:43

Em 2021, proporções de pessoas na pobreza e extrema pobreza atingiram patamares recordes na Bahia

Aliando requalificação urbana e arte, prefeitura institui programa Camaçari Mais Colorida
Últimas 2 de dezembro às 12:32

Aliando requalificação urbana e arte, prefeitura institui programa Camaçari Mais Colorida

Lira concede aposentadoria parlamentar a Bolsonaro de mais de R$ 30 mil
Política 2 de dezembro às 12:10

Lira concede aposentadoria parlamentar a Bolsonaro de mais de R$ 30 mil

Parque Ecológico de Lauro de Freitas arrecada garrafas PET para reciclagem
Últimas 2 de dezembro às 12:07

Parque Ecológico de Lauro de Freitas arrecada garrafas PET para reciclagem

Ufba terá curso superior em Turismo em 2023 com 40 vagas disponíveis para Camaçari
Educação 2 de dezembro às 11:23

Ufba terá curso superior em Turismo em 2023 com 40 vagas disponíveis para Camaçari

Dezembro Vermelho: campanha inicia com diversas ações de prevenção à Aids em Lauro de Freitas
Saúde 2 de dezembro às 11:20

Dezembro Vermelho: campanha inicia com diversas ações de prevenção à Aids em Lauro de Freitas

No confronto contra Camarões, Brasil tenta manter 100% de aproveitamento na primeira fase
Copa do Mundo 2 de dezembro às 11:08

No confronto contra Camarões, Brasil tenta manter 100% de aproveitamento na primeira fase

Confira as vagas de emprego do SineBahia para esta sexta-feira nas unidades de Salvador
Emprego 2 de dezembro às 10:59

Confira as vagas de emprego do SineBahia para esta sexta-feira nas unidades de Salvador

COZIDINHO
COZIDINHO
error: Alerta: para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou botões disponíveis na página. A medida visa preservar o investimento que o Destaque1 faz no jornalismo.