Adversidades: empresários do Shopping Busca Vida pedem ajuda ao governo municipal

Localizado na Estrada do Coco, em Vila de Abrantes, na Costa de Camaçari, o Shopping Busca Vida foi inaugurado em 2016 e desde então enfrenta diversos problemas, dentre eles fechamento de lojas, baixo fluxo de clientes, inexistência de um setor administrativo do prédio e a realização de um leilão promovido pela Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia).

Com isso, uma comissão formada por investidores, lojistas, salistas, advogados e moradores do entorno do centro comercial procuraram o prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo (DEM), nesta terça-feira (2) para debaterem opções de como remediar os danos do empreendimento.

Como estratégia para valorizar o empreendimento e atrair clientes e novos investidores, a comissão apresentou algumas demandas para o gestor municipal. Implantação de órgãos de serviços públicos dentro do Busca Vida, construção de uma passarela e um retorno mais próximo do shopping, isenção de incentivos fiscais para lojistas e salistas que queiram se instalar no empreendimento, limpeza do centro comercial, iluminação e segurança no entorno do shopping.

Diante das solicitações apresentadas, o prefeito Elinaldo Araújo disse estar disposto a ajudar a comissão, dentro das possibilidades do município. “Tudo que cabe ao governo, vamos executar. Vou tentar marcar uma agenda institucional com o governador [Rui Costa], pois ele precisa ter ciência do que está acontecendo e encontrar uma forma de ajudar”, destacou.

Atualmente, o empreendimento conta com cinco estabelecimentos em funcionamento, duas âncoras e três lojas. Um dos investidores da empresa responsável pela construção do shopping, Lenise Lins, ressalta a importância do local. “A situação é crítica e está trazendo um prejuízo extremo para toda comunidade, investidores, salistas e lojistas. É importante que a gente some esforços, defenda o empreendimento, para que ele alavanque, pois é um local de emprego”, ressaltou.

Um comentário em “Adversidades: empresários do Shopping Busca Vida pedem ajuda ao governo municipal

  • quinta-feira, 4 de abril de 2019 em 08:14
    Permalink

    Para dar certo a administração da Estrada do Coco, Governo do Estado e Prefeitura têm que cuidar do acesso ao empreendimento com retornos e viaduto facilitando a entrada no shopping e saída dos carros no KM-10 nas pistas dos dois sentidos. E principalmente entenderem que o shopping presta serviços nas salas hoje desocupadas, gera renda e facilita a vida de milhares de pessoas diminuindo sobretudo o trânsito em Lauro de Freitas tirando de lá muita gente que encontra o que procura perto de casa.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.