No Twitter, Bolsonaro comemora melhora do Indicador de Clima Econômico na América Latina

Na manhã desta segunda-feira (11), a Fundação Getúlio Vargas, em parceria com o instituto alemão Ifo, divulgou o resultado do Indicador de Clima Econômico da América Latina (ICE) no último trimestre, que passou de 10,7 pontos negativos para 9,1 pontos negativos entre outubro de 2018 e janeiro de 2019.

Segundo as entidades, a melhora foi influenciada pela alta do Indicador das Expectativas (IE), que passou de 21,6 pontos para 25 pontos no mesmo período, sendo que os resultados positivos foram liderados pela Sondagem relativa ao Brasil.

O Brasil foi um dos poucos países a registrar melhora no ICE nas duas últimas sondagens. O índice no país saiu de –33,9 pontos em outubro do ano passado para 3,6 pontos em janeiro. Essa recuperação é explicada pelo aumento de 240% do indicador de expectativas, de 25,9 para 88 pontos no período.

Fato comemorado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) em sua conta oficial no Twitter.


Porém, FGV e Ifo afirmam que o ICE do mundo supera o da América Latina desde 2013, já que durante este período os índices sempre foram negativos. “A melhora do resultado em janeiro de 2019 sinaliza uma situação mais favorável, embora ancorada apenas no avanço das expectativas”, confirmam as organizações.

Em outubro do ano passado, a pontuação brasileira era de 25,9 pontos. A última pontuação acima de zero foi registrada em janeiro de 2018, quando o índice atingiu 4,3 pontos. A pesquisa é baseada na avaliação de especialistas de economia do país.

Porém, mesmo o Indicador da Situação Atual (ISA) apresentando ligeira recuperação, permaneceu negativo e próximo ao nível de outubro de 2018, com uma diferença de apenas 0,3 ponto. De acordo com a pesquisa, o ISA caiu de 12,2 pontos para 2,2 pontos entre as duas últimas sondagens.

O Indicador de Expectativas na América Latina, que já era desfavorável desde julho 2018, registrou uma nova queda e atinge em janeiro 2,7 pontos negativos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.