FESTAC: Martim Gonçalves recebe ‘O Barão nas Árvores’ no dia 3 de dezembro

O Barão nas Árvores conta de forma lúdica e poética a história de Cosme Chuvasco de Rondó, filho de nobres, que aos 12 anos decide subir nas árvores e nunca mais descer, se transformando num grande defensor da natureza e do meio ambiente. Vivido pelo ator, palhaço, circense, músico e produtor Marcos Lopes, este personagem poderá ser assistido na 3ª edição do Festival Estudantil de Artes Cênicas (FESTAC), no dia 3 de dezembro, às 19h, no Teatro Martim Gonçalves, no Canela.

Inspirado no realismo fantástico de Ítalo Calvino, o espetáculo infanto-juvenil tem direção de Guilherme Hunder e traz referências às tradições e canções da cultura popular, como o Cavalo Marinho. O Barão nas Árvores é um solo preenchido de poesia e singeleza, em um híbrido de música, teatro e contação de histórias. Traz ainda um pouco da linguagem do teatro de animação, brincando com objetos e bonecos.

O solo – segundo infanto-juvenil do Coletivo Duo – trata um pouco sobre a relação da criança com o mundo, principalmente, com a família, além de discutir temas como sustentabilidade e meio ambiente, valores e cidadania, poder e amor. Cosme vira um cidadão do mundo e faz de tudo para preservá-lo, um militante do meio ambiente, protege o vale, cataloga as árvores, planta novas, etc..

FESTAC

A 3ª edição do Festival Estudantil de Artes Cênicas (FESTAC) é uma realização dos Coletivos COATO, COOXIA e a Escola de Teatro da UFBA, e contará com obras do interior e da capital baiana.  O Festival Estudantil de Artes Cênicas é um espaço de encontro entre artistas criadores das artes aplicadas dentro das Escolas Secundaristas e das Escolas de Artes Cênicas do Estado da Bahia.

O FESTAC ocorrerá entre os dias 1 e 9 de dezembro, com propostas de trabalho nas áreas de Teatro, Dança, Performance, Circo, ocupando diferentes espaços culturais da cidade do Salvador – Teatro Castro Alves, Teatro Martins Gonçalves, Teatro Gamboa Nova, Teatro Sesc Senac Pelourinho, Casa Evoé (Largo dos Aflitos), Centro Cultural Plataforma, Passeio Público (Campo Grande) e o Laboratório de Experimentação Estética do Museu de Arte da Bahia

Ficha Técnica

Texto: Livre adaptação da obra de Ítalo Calvino por Marcos Lopes e Antônio Fábio

Direção, figurino e maquiagem: Guilherme Hunder

Assistência de direção: Antônio Fábio

Cenografia: Erick Saboya

Preparação Corporal: Lineu Gabriel Guaraldo

Direção Musical: Luciano Salvador Bahia

Canções originais: Saulus Castro

Produção: Marcos Lopes

Arte gráfica: André Silva

Assessoria de imprensa: Rafael Brito

Fotografia: Diney Araújo

Realização: Coletivo Duo

Serviço

O quê: O Barão nas Árvores

Quando: 03 de dezembro, às 19h

Onde: Teatro Martim Gonçalves – Canela

Quanto: R$ 20 e R$ 10

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.