Ceia de Natal pode ser feita com R$ 110 em Camaçari

A ceia é tradição e na noite de Natal e Ano Novo alguns produtos não podem faltar na mesa de muitos brasileiros. Vinhos, frutas, aves natalinas, panetones, castanhas, nozes e passas estão entre os itens mais procurados. Em Camaçari, uma ceia pode custar em média R$ 110.

No centro de Camaçari é possível encontrar de tudo, desde grãos até aves. Os produtos são vendidos a partir de 100 gramas. Nozes variam entre R$ 9,95 e R$ 18,98; avelã entre R$ 8,55 e R$ 10; castanhas R$ 6,45 a 29,98; pistache entre R$ 16,90 e R$ 21. Já as amêndoas podem ser encontradas por R$ 9,50 e R$ 13; passas variam de R$ 2,95 a R$ 8,98; ameixa seca custa entre R$ 2,90 e R$ 3,20; pêssego desidratado entre R$ 13,95 e R$ 20; damasco está à venda por R$ 6,20 até R$ 7. O preço das frutas cristalizadas varia de 1,20 até R$ 4,78.

A professora Carmem Lima, 40 anos, diz que o importante é pesquisar com antecedência. “Quando entra o mês de dezembro, eu já fico de olho em tudo. A ceia é um ritual que não podemos deixar de lado, mas sempre fazendo economia”, frisa.

Para quem não abre mão dos vinhos tradicionais, os valores vão de R$ 10 a R$ 35. Já os espumantes variam entre R$ 13 e R$ 24.  Além disso, também podem ser encontrados vinhos orgânicos a partir de R$ 18.

As peras portuguesas podem variar entre R$ 2 por unidade e R$ 17 kg. Uva itálica também tem variedades de preços, podendo custar entre R$ 6 e $ 13 por kg.

Panetones e chocotones são vendidos com maior variedade de preços, recheios e marcas. Os preços vão de R$ 5 até R$ 65.

As proteínas também tem valores variados e promocionais.  O bacalhau pode ser comprado a partir de R$ 39 kg, peru R$ 16,48 kg e pernil por R$ 17 kg.

“Todo mundo gosta de ver a mesa de casa completa, farta e bonita. Mas para tudo isso não sair muito salgado para nossos bolsos é importante sim começar a pesquisar antes e ficar atendo a todos os lugares que tiver promoção. Esse é o segredo”, ressalta a dona de casa, Sandra Ferreira, 36.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Para compartilhar esse conteúdo, por favor, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. As regras tem como objetivo proteger o investimento que o Destaque1 faz na qualidade de seu jornalismo.